Meteorologia

  • 19 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Novas realidades dos museus do século XXI em debate em Lisboa

Uma conferência internacional para refletir e debater novas realidades, práticas e condições de trabalho nos museus do século XXI vai realizar-se entre 09 e 10 de março de 2017 no Museu do Chiado, em Lisboa.

Novas realidades dos museus do século XXI em debate em Lisboa
Notícias ao Minuto

16:45 - 28/12/16 por Lusa

Cultura Museu do Chiado

Intitulada 'The Museum Reader', a conferência internacional é organizada pelo Instituto de História da Arte da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e pelo Museu Nacional de Arte Contemporânea -Museu do Chiado.

O objetivo do encontro de especialistas é "propor linhas temáticas e pontos notáveis para pensar, refletir e debater novas realidades, práticas e condições de trabalho detetadas nos museus deste século XXI", segundo a organização.

"Pretende-se analisar e sistematizar novos modos e paradigmas, tendências e diferentes práticas e formas de pensar o papel das instituições artísticas no contexto do atual panorama artístico", acrescenta a nota de imprensa do museu sobre a conferência.

Em foco estarão temas como "Os museus na passagem do século XX para o século XXI", "O museu e a conceção neoliberal de cultura", "As transformações paradigmáticas das instituições artísticas no contexto da atual ordem social, económica e política", "A crítica institucional enquanto investigação dos contornos e funcionamento das instituições de arte" e "O museu como lugar de negociação e conflito".

Também serão abordados "O potencial das instituições e a nova esfera institucional: o novo Institucionalismo, a museologia radical, museologia crítica", "Crítica e experimentação nas instituições artísticas", "Práticas institucionais e não institucionais no museu", "Quais as exigências e desafios das práticas artísticas contemporâneas para os museus e instituições artísticas" e "A futura identidade das instituições artísticas".

O comité de organização é composto por Sandra Vieira Jürgens, da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade NOVA de Lisboa, e Emília Tavares, conservadora do Museu Nacional de Arte Contemporânea -- Museu do Chiado.

No comité científico estão, entre outros, David Santos (Direção Geral do Património Cultural), Fernando José Pereira (Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto), Helena Barranha (Instituto Superior Técnico, Universidade de Lisboa), Idalina Conde (ISCTE - Instituto Universitário de Lisboa), Maria João Gamito (Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa) e Raquel Henriques da Silva (Universidade NOVA de Lisboa).

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório