Galeria virtual disponibiliza orçamentos para obras de arte a pedido

A blaart avançou com a possibilidade de pedido de orçamentos aos mais de 150 artistas registados na plataforma digital, quer para um logótipo, um mural ou uma caricatura, explicou à Lusa Ricardo R. Rodrigues.

© Getty Images
Cultura blaart

Com um catálogo de artistas com idades entre 18 e os 70 anos de diversas áreas, esta espécie de galeria de arte virtual com mais de dois meses apresentou na Web Summit a funcionalidade de receber propostas para um artista específico, ou para toda a comunidade.

PUB

A blaart é uma das 'startups' que integra a rede de incubação da 'Startup' Braga e já participou na Art Fair no Carrousel du Louvre, em Paris, em outubro.

Na plataforma podem ser encontrados trabalhos de pintura, escultura, 'design', ilustração ou fotografia.

A funcionalidade de orçamentos teve "um 'feedback' muito bom" na cimeira de tecnologia e inovação, que decorreu em novembro em Lisboa, e integra um leque de ofertas para que os artistas emergentes tenham "possibilidade de rendimento" mais habitual.

"A aposta atual é na parte da angariação de clientes, porque os artistas estão a chegar organicamente. Os artistas estão a chegar à plataforma sem que seja a plataforma a chegar a eles", referiu o responsável da empresa.

Segundo Ricardo R. Rodrigues, a blaart também procura alargar a colaboração com empresas e com municípios, tendo já avançado para condições especiais, por exemplo, para os seus 'vizinhos' da 'Startup' de Braga.

Com os municípios, a empresa quer apostar numa colaboração que inclua, por exemplo, murais nas ruas, nomeadamente como os existem em Braga, "onde há pinturas em entradas de túneis".

Essas colaborações serviriam até para "desenvolver a cultura nas empresas e nos próprios municípios", resumiu.

 

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS