Meteorologia

  • 31 MARçO 2023
Tempo
21º
MIN 14º MÁX 21º

Brasil distingue edição lusa de duas de BD's de Marcello Quintanilha

Os livros de banda desenhada "Tungsténio" e "Talco de vidro", do autor brasileiro Marcello Quintanilha, publicados em Portugal pela editora Polvo, foram distinguidos esta semana no Brasil, pelo Troféu HQMIX, os prémios para a melhor BD brasileira.

Brasil distingue edição lusa de duas de BD's de Marcello Quintanilha
Notícias ao Minuto

16:07 - 17/08/16 por Lusa

Cultura Troféus

De acordo com a organização, as duas novelas gráficas de Marcello Quintanilha mereceram o prémio "Destaque Internacional" pela edição portuguesa, em 2015, com selo da Polvo, de Rui Brito.

A edição francesa de "Tungsténio" já tinha valido ao autor um prémio este ano em Angoulême. A história está ainda a ser adaptada para cinema.

Marcello Quintanilha, nascido no Brasil em 1971 e a residir em Espanha, publica histórias de banda desenhada desde finais dos anos 1980, as primeiras ainda com o pseudónimo Marcello Gaú.

Publicou a primeira novela gráfica, "Fealdade de Fabiano Gorilla", em 1999, seguindo-se, entre outros livros, "Sábado dos meus amores" - também premiado em 2009 pelo Troféu HQMIX - e "Almas públicas", todos eles inéditos no mercado português.

Rui Brito disse à agência Lusa que, em outubro, a Polvo editará o mais recente livro de Marcello Quintanilha, intitulado "Hinário Nacional" e que terá apresentação em Portugal com o próprio, no festival AmadoraBD.

Para o editor português, o prémio representa um "reconhecimento da comunidade brasileira de quadrinhos" ao trabalho que a Polvo tem feito na divulgação da BD do Brasil em Portugal.

Os dois livros de Marcello Quintanilha estão editados na Polvo numa coleção dedicada ao romance gráfico brasileiro, que conta com mais de dez títulos, entre os quais "Guadalupe", de Angélica Freitas e Odyr, "Cumbe", de Marcelo D'Salete, "Cachalote", de Daniel Galera e Rafael Coutinho, e "Morro da favela", de André Diniz.

Descritos como os "Óscares dos quadrinhos brasileiros", os prémios Troféu HQMIX foram criados em 1988 e distinguem os melhores livros de banda desenhada, entre os mais de dois mil lançamentos anuais que acontecem no Brasil.

São organizados pela Associação dos Cartunistas do Brasil e pelo Instituto Memorial de Artes Gráficas do Brasil.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório