Meteorologia

  • 14 JULHO 2024
Tempo
24º
MIN 15º MÁX 26º

Peça 'Um elétrico chamado desejo' vai estar em palco em Lisboa em julho

A peça 'Um elétrico chamado desejo', uma produção da Primeiro Sintomas com tradução e encenação de Bruno Bravo, estreia-se dia 02 de julho no Centro de Artes de Lisboa (CAL), anunciou hoje a produtora.

Peça 'Um elétrico chamado desejo' vai estar em palco em Lisboa em julho
Notícias ao Minuto

15:32 - 19/06/24 por Lusa

Cultura Centro de Artes de Lisboa

Com texto do norte-americano Tennessee Williams (1911-1983), imortalizado no cinema no filme de Elia Kazan, a ação de 'Um elétrico chamado desejo' situa-se situa-a num bairro pobre e libertino de Nova Orleães, palco de combate selvagem, sexual e impiedoso, entre Blanche Dubois e Stanley Kowalsky, no pós-guerra de uma América multicolor, industrial, sexista, viril, ao som de um perpétuo piano azul, com sombras de cinema, álcool, e velhas plantações de algodão em ruínas".

A protagonizar Blanche Dubois vai estar Sandra Faleiro, enquanto Joana Santos fará de Stella. Nuno Nunes e António Mortágua interpretarão Stanley e Mitch, respetivamente.

Félix Lozano, Marcelo Moleka, Nazaré Lobo e Telma Grova preenchem o elenco.

Com música e sonoplastia de Sérgio Delgado, cenário e figurinos de Stéphane Alberto, desenho de luz de António Vilar e Rafael Ligeiro na música, a peça vai estar em cena até 14 de julho, com récitas de terça-feira a sábado, às 21h00, e, ao domingo, às 16h00.

Leia Também: Miguel Araújo inicia hoje minidigressão nas ilhas da Ria Formosa

Recomendados para si

;
Campo obrigatório