Meteorologia

  • 29 MAIO 2024
Tempo
24º
MIN 15º MÁX 29º

Mais de 200 iniciativas assinalam na próxima semana o Dia dos Monumentos

Mais de 200 iniciativas vão assinalar, entre os próximos dias 17 e 21, o Dia Internacional dos Monumentos e Sítios, sob o mote "Catástrofes e Conflitos à Luz da Carta de Veneza", anunciou o Património Cultural - Instituto Público (PC-IP).

Mais de 200 iniciativas assinalam na próxima semana o Dia dos Monumentos
Notícias ao Minuto

22:15 - 11/04/24 por Lusa

Cultura Dia dos Monumentos

O Dia Internacional dos Monumentos e Sítios é comemorado no dia 18 e, este ano, o mote escolhido pelo International Council on Monuments and Sites (ICOMOS) é "Catástrofes e Conflitos à Luz da Carta de Veneza", numa referência ao documento aprovado em maio de 1964, no decorrer do o II Congresso Internacional dos Arquitetos e Técnicos dos Monumentos Históricos, que se reuniu em Veneza, "Sobre a Conservação e o Restauro de Monumentos e Sítios".

Tendo como ponto de orientação este documento internacional, os monumentos e sítios sob a égide do PC-IP realizam diferentes atividades, em todo o país, designadamente, visitas guiadas, concertos, artesanato, debates, 'workshops', dança, teatro, exposições, 'escape room', ateliês pedagógicos, caminhadas interpretativas, visitas encenadas e palestras.

No dia 18, a entrada nos mais de 100 Monumentos e Sítios sob gestão do PC-IP é livre, sendo os horários alargados.

Entre as atividades programadas está prevista, no dia 18, em Barcelos, no Convento de Vilar de Frades, uma apresentação por José Francisco Meirinhos e Raquel Patriarca, da Universidade do Porto, que evocarão a antiga biblioteca conventual, a partir de um conjunto de 1.004 volumes, de 544 títulos, publicados entre 1514 e 1827, escritos em português, espanhol, francês, italiano, inglês, alemão, latim, grego e hebraico.

Os dois investigadores vão apresentar um projeto realizado em colaboração com a Direção Regional de Cultura-Norte, que permitiu identificar um conjunto de 42 casas religiosas às quais pertenceram estes livros, mas "nenhuma delas é o Convento de Vilar de Frades".

Os volumes foram catalogados, objeto de tratamento e encontram-se atualmente na Sala da Memória do Mosteiro de Vilar de Frades, segundo o PC-IP.

Também no dia 18, à noite, mas na concatedral de Miranda do Douro, atuam os Hardança, um projeto de música folk/tradicional, existente desde 2019.

Os Hardança são Licínio Castro nas cordas, Fabíola Mourinho na voz, Bruno Berça na percussão e Amadeu Soares na gaita de foles e saxofone, e visam a recuperação das raízes musicais tradionais.

Ainda no dia 18, de manhã, no Convento de Santa Maria de Arouca, no distrito de Aveiro, é apresentado o projeto educativo "MM -- Mosteiro Multimédia", em articulação com a Escola Secundária de Arouca e a Associação Geopark arouquense.

Na Casa das Artes, no Porto, realiza-se, no dia 18, a partir da manhã, o encontro nacional "Por Amor ao Património", uma "reflexão conjunta sobre o papel dos cidadãos e das associações de defesa e valorização do património nas estratégias de mitigação das catástrofes e conflitos que o vitimam, à luz da Carta de Veneza".

Nos dias 18 e 20 de abril, em diferentes horários, são promovidas guiadas no Convento de St.ª Clara, em Coimbra, sob o lema "A Morte na Clausura". "Nesta visita orientada serão apresentadas as diferentes tipologias de monumentos funerários, a gramática decorativa e epigrafes que apresentam". Serão ainda divulgados alguns dados sobre as suas ocupantes, vindas das classes sociais mais elevadas entre os séculos XIV a XVI, escreve o PC-IP.

Também neste Convento, no dia 20, à tarde, realiza-se um "workshop" sobre conservação e restauro de azulejos, "Do campo ao laboratório -- Restauro de azulejo", dando a conhecer ao público "os desafios que são colocados ao conservador-restaurador sobre as tomadas de decisão na hora de intervir nas peças e a importância da reversibilidade dessas ações".

Ainda no dia 20 de abril, à noite, em Braga, no Convento de S. Martinho de Tibães, a rusga de São Vicente de Braga vai "dar a conhecer algum do seu reportório, reviver tradições e convidar os presentes a dançar algumas das suas músicas mais conhecidas".

Em Faro, nas Ruínas de Milreu, às 19h00, "Ruínas ao occasus solis", uma visita orientada e observação do céu noturno, tendo como mote "A astronomia dos Romanos", neste espaço, de manhã, realiza-se uma visita guiada seguida de um oficina de desenho, com alunos da Escola Poeta Emiliano da Costa.

Leia Também: ICOM diz que Europa deve reconhecer violência do passado colonial

Recomendados para si

;
Campo obrigatório