Meteorologia

  • 04 MARçO 2024
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 17º

Punto y Raya. Lisboa acolhe festa de cinema e arte abstrata em movimento

O festival itinerante Punto y Raya, de cinema e arte abstrata em movimento, acontece este mês pela primeira vez em Lisboa, com uma panorâmica do cinema abstrato em Portugal, instalações multimédia e atividades para os mais novos.

Punto y Raya. Lisboa acolhe festa de cinema e arte abstrata em movimento
Notícias ao Minuto

13:09 - 03/10/23 por Lusa

Cultura Festival

O Punto y Raya, hoje apresentado, é um evento internacional bienal dedicado ao cinema abstrato, novos media e arte abstrata em movimento e aconteceu pela primeira em Espanha em 2007. Desde 2014 passou a ser itinerante pela Europa, chegando agora a Lisboa.

O festival está marcado de 11 a 15 de outubro em vários espaços de Lisboa e resulta de uma parceria entre a associação catalã MAD e a produtora portuguesa Taumotrópio, que organiza o festival de cinema de animação Monstra.

"Sob o signo da abstração e do experimentalismo radical, unem-se o cinema, as artes visuais e a tecnologia", com mais de uma centena de filmes, "'masterclasses', instalações e performances que escapam às normas da representação", lê-se na nota de imprensa.

Uma das iniciativas do programa é um ciclo panorâmico sobre a animação abstrata feita em Portugal, coincidindo com as celebrações do centenário do cinema de animação português.

Na Cinemateca Portuguesa serão exibidos filmes curtos e muito curtos -- de 13 minutos a um minuto de duração -- como por exemplo, "Via", de Maria Constanza Ferreira, a partir de milhares de imagens de satélite, ou "Le plaisir du mouvement II", de José_Manuel Barata Xavier, com desenhos em papel animados num 'flipbook'.

No Cinema Fernando Lopes, na Universidade Lusófona, está prevista uma mostra dedicada ao cinema feito por estudantes, de Hong Kong, Portugal, Polónia, Espanha e Reino Unido, e uma retrospetiva sobre a "surpreendente arte abstrata dos Balcãs", com apresentação pela realizadora búlgara Radostina Neykova.

De acordo com a organização, haverá uma competição e a atribuição do troféu Punto y Raya, e entre os autores com obra selecionada estão os portugueses Pedro Serrazina, Maria Constanza Ferreira, Anabela Costa e João Pedro Oliveira.

Das instalações artísticas propostas para esta edição, na cozinha do Museu de Lisboa - Palácio Pimenta será projetada a obra "Two Space", do autor norte-americano Larry Cuba, "um dos pioneiros da animação digital", responsável por "experiências audiovisuais imersivas baseadas em ininterruptos mosaicos geométricos".

O artista conceptual português Ícaro Pintor apresentará no espaço Caleidoscópio a instalação "E Se" e a performance "Tirando Férias da Realidade" com o músico Bernardo Santo Tirso Ribeiro.

Toda a programação está acessível em puntoyrayafestival.com.

Anteriormente, o Punto y Raya decorreu em Madrid e Barcelona, e quando se tornou itinerante passou pela Islândia, Alemanha, Áustria e Polónia.

Leia Também: Filme 'O vento assobiando nas gruas' tem estreia mundial nos EUA

Recomendados para si

;
Campo obrigatório