Meteorologia

  • 07 FEVEREIRO 2023
Tempo
MIN 6º MÁX 13º

Festa do Jazz regressa a Lisboa em dezembro com Salvador Sobral

A Festa do Jazz regressa a Lisboa em dezembro, com um cartaz que inclui espetáculos de Salvador Sobral, com o pianista Marco Mezquida, e do baterista Trilok Grutu, com João Paulo Esteves da Silva, Yuri Daniel e convidados.

Festa do Jazz regressa a Lisboa em dezembro com Salvador Sobral
Notícias ao Minuto

14:02 - 26/11/22 por Lusa

Cultura Jazz

A programação completa da "edição especial de celebração dos 20 anos de Festa do Jazz" irá acontecer entre 16 e 18 de dezembro, no Centro Cultural de Belém, no picadeiro do antigo Museu dos Coches e na livraria Ler Devagar e, além de concertos, inclui debates e o habitual Encontro Anual de Escolas, de acordo com o anúncio hoje feito pela organização.

"Com esta edição de 2022 do maior festival português de jazz feito por portugueses, cumprem-se 20 anos sem interrupções, reunindo diferentes públicos, agentes, promotores, investigadores, músicos profissionais e estudantes de jazz de todo o país, entre muitos outros", lê-se no comunicado hoje divulgado.

Esta edição abre no dia 16 de dezembro, no Grande Auditório do CCB, com o espetáculo "Convite à cidade: 20 anos de Festa do Jazz", que junta em palco o percussionista e compositor Trilok Gurtu, o contrabaixista Yuri Daniel, o pianista João Paulo Esteves da Silva e tem como convidados o saxofonista Carlos Martins, o acordeonista João Frade e o guitarrista Mário Delgado.

O CCB irá acolher também o espetáculo "Cosa de dos", que junta Salvador Sobral e o pianista espanhol Marco Mezquida, e as atuações do sexteto Lantana, do Nazaré Silva Quinteto, do contrabaixista Hugo Carvalhais, e do trio Perselí, entre outros.

O picadeiro do antigo Museu dos Coches será palco dos debates, de temas como "Cultura e Cidadania: Improvisação é Inclusão" e "O Som de Lisboa: territórios acústicos e cidade", bem como do Encontro Nacional de Escolas, com atuações de alunos de estabelecimentos de ensino como a Escola de Jazz Luiz Villas-Boas - Hot Clube de Portugal, da Universidade Lusíada de Lisboa, da Escola de Jazz do Barreiro, da Escola Artística do Conservatório de Música de Coimbra e da Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo (ESMAE) do Porto.

A livraria Ler Devagar vai acolher atuações do pianista Tom Macial, com o contrabaixista Thiago Alves e o baterista João Sousa, e de Thiago Alves com a pianista Julia Perminova e o baterista André Sousa Machado, bem como 'jam sessions'.

Os vencedores dos prémios RTP/Festa do Jazz são anunciados no dia 17 de dezembro, numa cerimónia no CCB.

A organização criou "um lote especial de passes que pretende privilegiar os maiores fãs da Festa", que estarão à venda na bilheteira no CCB e na plataforma 'online' Ticketline.

"Nos 20 anos da festa, por apenas 20 euros, os primeiros fãs a comprarem o passe terão acesso a todos os concertos, mais de 20, e ainda recebem o livro Festa do Jazz", lê-se no comunicado.

O diretor da Festa do Jazz, o músico Carlos Martins, citado no comunicado, recorda que esta "tem sido ao longo de 20 anos claramente o maior e mais completo observatório do jazz feito em Portugal, criando momentos únicos de revelação de novos talentos e de novas propostas de músicos consagrados".

"É desde sempre o espaço aglutinador ao promover um encontro nacional anual, criando redes, formais e informais, apostando na criação, na improvisação, na pedagogia e na troca de saberes dos envolvidos, incluindo os jovens das escolas de jazz nacionais. Do Concurso Nacional de Escolas [de Jazz] têm saído, desde há 19 anos, a maioria dos grandes músicos atuais que por sua vez vêm iluminando os caminhos futuros da música improvisada feita em Portugal, e agora na Europa", refere.

A Festa do Jazz é organizada pela Associação Sons da Lusofonia.

Em 2019, depois de 15 edições no Teatro São Luiz (entre 2003 e 2017) e de uma em vários lugares do Bairro Alto (em 2018), a Festa do Jazz decorreu nos vários espaços do Capitólio, no Parque Mayer. Em 2020, a Festa do Jazz teve lugar no CCB, mas sem público presente.

No ano passado, regressou em formato presencial, ao Centro Cultural de Belém, estendendo-se também ao Espaço Espelho D'Água e à livraria Ler Devagar.

Mais informações sobre a edição deste ano da Festa do Jazz podem ser consultadas em https://sonsdalusofonia.com/festa-do-jazz/.

Leia Também: The Black Mamba regressam ao festival de jazz de Cambridge

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sétimo ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório