Meteorologia

  • 10 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 26º

Nascimento de Saramago celebrado com música clássica nos Açores

O Festival Internacional dos Açores decorre entre os dias 30 de agosto e 3 de setembro.

Nascimento de Saramago celebrado com música clássica nos Açores
Notícias ao Minuto

12:21 - 05/07/22 por Notícias ao Minuto

Cultura Açores

A 17.ª edição do Festival Internacional dos Açores regressa entre os dias 30 de agosto e 3 de setembro, nas Ilhas de São Miguel e Terceira, celebrando o centenário do nascimento de José Saramago com música clássica.

Sérgio Letria, diretor da Fundação José Saramago, considera que 2022 “é muito especial", pois assinala o centenário de nascimento de Saramago.

“A obra de Saramago continua viva, e o Festival Internacional dos Açores vem reforçar ainda mais o trabalho desenvolvido com as palavras e ideias de José Saramago”, complementa, em comunicado a que o Notícias ao Minuto teve acesso.

A organização realça ainda que, além do programa musical de oito concertos, cinco dos quais gratuitos, esta 17.ª edição contará “com atividades complementares, tais como masterclasses e atividades de sensibilização e valorização da herança natural e cultural açoriana”.

Por sua vez, Tiago Nunes, diretor artístico do Festival Internacional dos Açores, indica que a ligação a José Saramago vem do seu fascínio especial pela música, e em especial pelo violoncelo, que, nesta edição, se destaca em dois concertos entre as ilhas.

“Este é um festival de inclusão e de solidariedade, e que pretende aproximar, valorizar e sensibilizar para a importância da cultura e também de atividades paralelas com o principal objetivo de promover um património natural de enorme riqueza e sensibilizar para a sua preservação”, complementa Luís Filipe Cruz, diretor executivo do Festival Internacional dos Açores.

Por fim, Adriano Jordão, um dos fundadores do festival, sublinha que o projeto “sempre foi muito especial para os Açores, e que esta edição é ainda mais especial, devido não só à sua ligação pessoal a José Saramago, como também à ligação de José Saramago à música”.

“O violoncelo é uma das fragilidades de Saramago”, remata.

O Festival Internacional dos Açores contará ainda com uma parceria com a UNICEF Portugal. Além disso, o último concerto, no qual marcará presença a pianista Guilsin Onay, uma das Embaixadoras da boa-vontade na Turquia, será transmitido na página da entidade, com a possibilidade de angariação de donativos.

Leia Também: Regresso dos Da Weasel no NOS Alive'22 terá transmissão televisiva

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório