Meteorologia

  • 01 JULHO 2022
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 27º

Conimbriga realça dimensão afetiva e geracional no Dia dos Museus

O Museu Monográfico de Conimbriga (MMC), em Condeixa-a-Nova, vai comemorar na quarta-feira o Dia Internacional dos Museus com um programa que valoriza a "dimensão afetiva" da antiga cidade romana.

Conimbriga realça dimensão afetiva e geracional no Dia dos Museus
Notícias ao Minuto

13:55 - 16/05/22 por Lusa

Cultura Dia Internacional dos Museus

"O objetivo é celebramos esta dimensão afetiva e geracional, a pegada emocional que o sítio tem", disse hoje o diretor do Museu Nacional, Vítor Dias, à agência Lusa.

Tirando partido do tema adotado este ano para a efeméride -- "O poder dos museus" -- Conimbriga assinala o Dia dos Museus com iniciativas que visam o "reconhecimento do património arqueológico ao longo da sua existência", além do próprio Museu Monográfico.

Fundado há 60 anos, o MMC, no distrito de Coimbra, "lança o desafio digital de partilha nas redes sociais de experiências e memórias, através de imagens antigas ou menos antigas", das visitas individuais e de grupo ao museu e ruínas, com recurso ao 'hashtag' #Conimbriga60AnosMuseu.

"Com este formato, pretende-se ao longo de 2022 comemorar e partilhar a dimensão afetiva, geracional e nacional que o espaço museológico da antiga cidade de Conimbriga proporciona", afirma em comunicado a entidade dirigida pelo arqueólogo Vítor Dias.

Este desafio, que será lançado às 11:30, envolve como embaixadores o cantor André Sardet, o mágico Luís de Matos, o autarca Nuno Moita (presidente da Câmara Municipal de Condeixa) e o próprio diretor do museu.

Uma hora antes, às 10:30, as comemorações incluem as oficinas de pesquisa artística "Ausente presente", "Das plantas pioneiras à floresta", "O pão e a cultura do pão ao longo dos tempos" e "Linha no espaço, linha no papel", dinamizadas nos espaços envolventes pelos artistas Marta Sampaio Soares, João Oliveira, Carlos Baptista Silva e Patrícia Timóteo.

"Queremos destacar a importância que o sítio tem como local interdisciplinar", promovendo um "diálogo que é possível e até recomendável" entre a arte e a ciência, para que este lugar histórico "volte a ser fruído" pelas pessoas, explicou Vítor Dias.

Às 12:00, no auditório do MMC, o encerramento das comemorações coincide com o momento "Conimbriga Digital", que inclui a apresentação do "Catálogo das Coleções" e o início da sua promoção digital, enquanto "auxílio a visitas livres", passando os visitantes a dispor do "Catálogo" e do "Guia das Ruínas" em formato de QRcodes.

A participação nas celebrações é gratuita e não carece de inscrição prévia.

Leia Também: Programa cultural leva espetáculos a freguesias do concelho de Penacova

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório