Meteorologia

  • 24 MAIO 2022
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 20º

'Qual é o nosso lugar no Universo?' O livro de David Sobral explica

Estaremos sozinhos? O que existe para além da Terra? De onde vimos? São várias as questões respondidas numa "linguagem descomplicada".

'Qual é o nosso lugar no Universo?' O livro de David Sobral explica

Um livro que tenta responder a perguntas que todos temos: 'Qual é o nosso lugar no Universo?'. Começa com uma questão geral, mas aborda várias subjacentes que surgem quando nos debruçamos sobre este tema.

O astrónomo e astrofísico David Sobral, que em 2015 descobriu a galáxia CR7, convida os leitores a embarcar numa "viagem cósmica em busca das nossas origens".

"Estaremos sozinhos no universo? O que existe para além da Terra? O universo é infinito? Quantas galáxias existem? As estrelas vivem para sempre? De onde vimos, afinal? Qual é o nosso lugar no universo?", são as perguntas deixadas em aberto com que o autor nos alicia na sinopse do livro.

"Não somos estrelas, mas o nosso brilho vem daquilo que decidimos fazer com a poeira de estrelas que nos dá forma e que respiramos".

Notícias ao Minuto
© D.R.  

Quem melhor que David Sobral, especialista na área da Astrofísica Extra-galática e cosmologia observacional e Professor Associado de Astrofísica na Universidade de Lancaster, no Reino Unido, para elucidar os curiosos? O agora escritor começa por esclarecer que "há cerca de 110 anos achávamos que só existia uma galáxia no Universo, a nossa." "Hoje sabemos que existem mais de 2 biliões de galáxias", lembra.

O conhecimento sobre o universo tem evoluído exponencialmente nos últimos 25 anos, o que David Sobral recorda com o facto de "em 1995 não se conhecer um único planeta fora do nosso sistema solar a rodar à volta de uma outra estrela", por exemplo. "Desde então, descobriram-se mais de 4 mil, e identificaram-se, até, candidatos a planetas como a Terra, com distâncias das suas estrelas que os podem tornar potencialmente habitáveis", explica o astrónomo.

"Hoje sabemos mais, mas há ainda tanto por descobrir". É este objetivo que move o escritor tanto na procura da razão da nossa existência, como na busca das nossas origens cósmicas. Segundo o astrofísico "somos todos feitos de estrelas e cosmos. Todos iguais e ao mesmo tempo únicos".

Leia Também: Português lidera equipa com objetivo de detetar outras Terras no Universo

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório