Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 24º

Semana Cultural da Universidade de Coimbra homenageia Max Stahl

Mais de três dezenas de atividades, entre elas uma homenagem ao jornalista britânico Max Stahl (já falecido), vão dar corpo à 24.ª Semana Cultural da Universidade de Coimbra (UC), que vai decorrer entre 01 e 15 de março.

Semana Cultural da Universidade de Coimbra homenageia Max Stahl
Notícias ao Minuto

16:17 - 22/02/22 por Lusa

Cultura Jornalista

O evento, que em 2021 foi inteiramente virtual, devido à pandemia da covid-19, tem como tema 'O tempo', anunciou hoje o vice-reitor Delfim Leão, na sessão de apresentação, que justificou a escolha com "a esperança de começar a deixar para trás a pandemia".

"Mas também é o tempo de fazer 'o deve e o haver' do que passou, avaliar o presente e projetar o futuro. Não podemos passar por esta experiência da pandemia e ficarmos iguais", referiu.

O tema do tempo, acrescentou, foi também escolhido porque este ano se celebram "marcos muito importantes, entre eles os 200 anos da independência do Brasil, sendo a comunidade brasileira tão importante na região, na cidade e, em particular, na Universidade, e os 20 anos da mais jovem nação lusófona: Timor-Leste".

Na 24.ª edição da Semana Cultural, a UC pretende prestar homenagem à lusofonia, "pegando nestes dois pilares: o mais antigo e a mais recente das nações lusófonas", frisou Delfim Leão.

Salientando que o período pandémico afetou as "pessoas e a instituição", o vice-reitor disse que "não é possível fazer tudo igual àquilo que fazíamos antes, pois há muitas coisas que temos de recuperar, mas outras vamos seguramente fazer diferente".

O programa é, segundo Delfim Leão, "eclético e transversal, com uma abordagem ao que é cultura na instituição, diferenciando-se dos ciclos do teatro, artes performativas ou da música", procurando chegar a todos os públicos.

Durante 15 dias, vão ser realizadas 35 atividades, desde música a teatro e exposições, mais 10 eventos convergentes, envolvendo espaços da UC e de toda a cidade, num apelo "à fusão entre a cidade e a universidade como uma comunidade que celebra o gosto pela cultura".

Das diferentes iniciativas destaque, designadamente, para a 'Homenagem a Max Stahl', uma exposição de fotografias e do arquivo do repórter de imagem britânico, falecido em outubro passado, que, em 1991, filmou o massacre no cemitério de Santa Cruz, em Díli, Timor-Leste, que mudou o percurso da luta pela independência.

A exposição será inaugurada no dia 02 de março, pelas 18:00, no Atelier a Fábrica -- Centro Cultural de Coimbra.

A UC alberga o arquivo do Centro Audiovisual Max Stahl de Timor-Leste, fruto de uma parceria estabelecida em 2016.

O vice-reitor da UC destacou ainda o espetáculo multimédia 'O tempo não para! Brasil 200 anos', no claustro do Colégio das Artes, no dia 11 de março, às 19:00, com a participação de artistas brasileiros.

No mesmo dia, às 21:30, realiza-se na Praça 08 de maio a 'XXX Festuna -- Noite de Serenatas'.

A 24.ª Semana Cultural da UC tem como parceiros o Grémio Operário de Coimbra, que renasceu há cerca de um ano, depois de dezenas de anos de inatividade, e a Orquestra Académica, que participa nas sessões de abertura e de encerramento do evento.

No espetáculo de encerramento, junta-se à Tuna Académica a cantora portuguesa Lara Martins, que estudou na UC, com uma carreira internacional de sucesso, na qual se destaca a participação na produção de 'The Phanthom of the Opera', no West Ende de Londres.

Recomendados para si

;
Campo obrigatório