Meteorologia

  • 27 MAIO 2022
Tempo
21º
MIN 16º MÁX 34º

Plano Nacional de Cinema prolongado até 2030

O Plano Nacional de Cinema (PNC), criado para promover a literacia de crianças e jovens sobre as artes cinematográficas, foi prolongado até 2030, anunciou hoje o Governo.

Plano Nacional de Cinema prolongado até 2030
Notícias ao Minuto

13:29 - 05/01/22 por Lusa

Cultura Cinema

A decisão do Governo de prolongar o Plano Nacional de Cinema data de abril de 2021, mas foi hoje publicada em despacho em Diário da República.

De acordo com o despacho, o Plano Nacional do Cinema é prolongado, no período 2021-2030, para ter "maior dinamismo" e para que "ganhe maior dimensão e afirmação", para chegar a mais comunidades educativas, isto tudo em articulação com o Plano Nacional das Artes.

O PNC foi criado em 2013 e implementado no ano seguinte pelos ministérios da Cultura e da Educação, para promover a literacia para o cinema e a formação de públicos junto dos mais novos e através das escolas.

Fonte do Ministério da Cultura adiantou hoje à agência Lusa que a atual coordenadora do PNC, Elsa Mendes, se manterá à frente do plano.

De acordo com o despacho, a equipa técnica do PNC terá de elaborar um plano estratégico até junho deste ano, determinando "as principais linhas orientadoras, objetivos, metas, indicadores e calendarização, para o horizonte temporal 2021-2030".

A equipa de Elsa Mendes terá ainda de fazer plano de atividades, escolher a entidades e as escolas a envolver no PNC, selecionar obras cinematográficas, infraestruturas e meios humanos e técnicos necessários à execução do projeto.

Em comunicado conjunto divulgado hoje, os ministérios da Cultura e da Educação consideram que o PNC 2021-2030 "levará a cada vez mais comunidades educativas a possibilidade de ver cinema - expandindo horizontes, dando a conhecer novos mundos, contextos e realidades, e permitindo explorar temas como cidadania, democracia e diversidade, falar sobre filmes com os pares".

No final de abril de 2021, o Governo anunciou o relançamento do PNC, com uma apresentação de novos recursos, uma página oficial e uma plataforma de acesso para professores e alunos, com filmes e documentos pedagógicos sobre imagens em movimento.

Na altura, não foi referido publicamente o prolongamento do PNC até 2030.

De acordo com informação disponibilizada na página oficial, no atual ano letivo (2021/2022), o Plano Nacional de Cinema conta com a inscrição de 400 escolas e agrupamentos escolares de todos os distritos do país e de escolas portuguesas nos países de língua oficial portuguesa.

Entre os filmes disponíveis no PNC para serem exibidos e trabalhados em contexto escolar, para todos os níveis de ensino, estão obras desde o cinema mudo até à atualidade, incluindo filmes dos primórdios da animação portuguesa, filmes sobre a guerra colonial, sobre a revolução de Abril de 1974, adaptações literárias, clássicos do cinema português, documentários.

O PNC foi implementado no seguimento da experiência do Plano Nacional de Leitura, dedicado a competências de literacia, livro e leitura. A eles juntou-se o Plano Nacional das Artes, mais abrangente, criado em 2019.

Leia Também: Associações de cinema criticam "falta de solidariedade com a cultura"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório