Meteorologia

  • 21 JUNHO 2021
Tempo
21º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Dia Mundial do Teatro de portas fechadas entre ensaios e sessões online

Ensaios para estreias e transmissões em 'streaming', sem público presente nem aplausos, pautam, pelo segundo ano consecutivo, as comemorações do Dia Mundial do Teatro, de novo com as salas fechadas, por causa do confinamento e da pandemia de covid-19.

Dia Mundial do Teatro de portas fechadas entre ensaios e sessões online
Notícias ao Minuto

12:58 - 26/03/21 por Lusa

Cultura Teatro

O Dia Mundial do Teatro criado pelo Instituto Internacional do Teatro, no âmbito da organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), visa a promoção direta das artes de palco, e decorre este ano sob o signo da resistência à pandemia, sublinhando "a sagacidade e coragem" dos profissionais.

A companhia teatromosca, para assinalar a data, escolhe "Hamlet cancelado", de Flavio Tonnetti e Vinicius Piedade. E transmite a partir do Brasil, no sábado. Um figurante daquela que seria a maior produção da tragédia de SHakespeare já alguma vez feita, não conformado com o cancelamento, avança sozinho, usando fragmentos dos textos originais, pedaços dos cenários e retalhos dos figurinos. A peça poderá ser vista no Youtube (21:00), a partir da casa do ator e encenador brasileiro Vinicius Piedade, em S. Paulo.

Na sala virtual do Teatro Nacional D. Maria II há dez horas consecutivas de transmissão de "'Os Lusíadas' como nunca os ouviu", por António Fonseca, o ator que ousou dizer o poema épico. A partir das 10:00 da manhã, Fonseca vai "dizer e comentar" "Os Lusíadas". O dia termina com "By heart", de Tiago Rodrigues.

O diretor artístico do Teatro Nacional D. Maria II, Tiago Rodrigues, define o Dia Mundial do Teatro, este ano, como "uma espécie do daqui a pouco já nos vamos encontrar", na expectativa de reabertura de portas a 19 de abril, segundo o 'plano de desconfinamento', definido pelo Governo.

Nos Artistas Unidos, companhia dirigida por Jorge Silva Melo, o tempo é de ensaios para a peça "Birdland", de Simon Stephens.

Interpretada por Joao Pedro Mamede e Rita Rocha da Silva, a peça estreia-se a 19 de abril, uma data que Jorge Silva Melo define como o Dia Nacional dos Teatros de Porta Aberta.

O Bando marca a efeméride com a divulgação de um vídeo com excertos de espetáculos que tem feito desde que tem sede em Palmela, assim como irá divulgar a estreia das duas peças que se encontram em ensaios: "Porta", de Gonçalo M. Tavares, e "Futebol", uma criação conjunta com o Teatro Regional da Serra de Montemuro.

No S. Luiz Teatro Municipal, em Lisboa, a efeméride será assinalada, no sábado e no domingo, com a transmissão 'online' com uma nova edição de "Estar em casa", com curadoria de Anabela Mota Ribeiro e André E. Teodósio.

A partir das palavras "invadir", "sarar" e "unir", o programa conta com espetáculos, conversas, 'performances', visitas guiadas, aulas em casa, cinema, consultórios astrológicos e muito mais, disse fonte do teatro à agência Lusa.

"O Cerejal", de Anton Tchekhov com encenação de Sandra Faleiro, e "Os Filhos do Mal", de Hotel Europa, frente-a-frente com o impacto da ditadura, através de gerações, uma oficina de "Os Sapatos do sr. Luiz", "Vamos Comprar um Poeta", do Plano Comensal de Leitura, e "Se eu fosse Nina", de Rita Calçada Bastos, são os espetáculos a transmitir pelo S. Luiz, para marcar o dia.

No Teatro Ibérico, a efeméride não é assinalada e a reabertura ocorre apenas o início de maio, uma vez que o teatro esteve em obras.

A companhia Cão Solteiro lembra o Dia Mundial do Teatro com a transmissão 'online' de "Azul Vermelho, Azul Manteiga", a primeira peça infantil criada pela companhia para o Teatro Luís de Camões LU.CA, numa produção com A Oficina.

O espetáculo "Fake", de Inês Barahona e Miguel Fragata, será transmitido a partir do canal do Fórum Municipal Luísa Todi. A peça "Humidade" será transmitida pela Companhia de Teatro de Braga e o Teatro Art'Imagem, também 'online', mostra "Primavera do teatro", enquanto o Teatro do Noroeste - Centro Dramático de Viana transmitirá a leitura da mensagem internacional do Dia Mundial do Teatro, que traduziu - este ano assinada pela atriz Helen Mirren - e o espetáculo "Palhaço verde", uma encenação de Graeme Pulleyn do texto de Matilde Rosa Araújo.

A Companhia Mascarenhas-Martins também oferecerá uma leitura encenada da mensagem do Instituto Internacional de Teatro, no Facebook do Cinema-Teatro Joaquim D'Almeida, assim como o ator, encenador e dramaturgo Ricardo Neves-Neves, no Facebook do Cineteatro Louletano.

O Teatro Municipal do Porto - Teatro Campo Alegre opta pelo espetáculo "Paisagem", a mais recente criação de Paula Diogo e Tónan Quito, com o coletivo brasileiro Foguetes Maravilha, e "Passos em volta", um espetáculo da Companhia João Garcia Miguel, criado a partir de textos de Herberto Helder.

No sábado, o Teatro de Campo Alegre promove ainda um encontro com João Garcia Miguel, Tónan Quito, Stella Rabelo e Eduardo Neves, que será transmitido na página do teatro no Facebook.

Iniciativa diferente tem o Teatro Experimental de Cascais que, no sábado, marca a atribuição do nome de Carmen Dolores a uma rua da localidade, numa homenagem à atriz que morreu a 16 de fevereiro último, aos 96 anos.

O Teatro Viriato, em Viseu, estreia "Senso", uma criação do ator e encenador Jorge Fraga, a partir das peças didáticas de Bertolt Brecht, em 'live streaming', no Dia Internacional do Teatro, a partir das 21:30.

"Palavras em Palco -- Um Caminho para Caryl Churchill", pelo Teatro Aberto fica 'online' até dia 4 de abril, no 'site' da companhia.

O Assédio Teatro estreia 'online' "Língua de Cão e Litania", de Francisco Luís Parreira, com encenação de João Cardoso, que fica disponível até 11 de abril.

A associação Materiais Diversos oferece "Futuricidade", pela coreógrafa Marta Tomé, em colaboração com o investigador Rui Matoso, com transmissão em direto no Facebook, a partir das 18:00.

Criado pelo Instituto Internacional do Teatro, no âmbito da organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO), para a promoção direta das artes de palco, o Dia Mundial do Teatro celebra-se a 27 de março e foi assinalado pela primeira vez em 1962, com uma mensagem do dramaturgo francês Jean Cocteau.

Este ano, a mensagem é assinada pela atriz britânica Helen Mirren, que elogia a "resiliência dos profissionais das artes e a capacidade de sobreviverem à pandemia com sagacidade e coragem".

Leia Também: AO MINUTO: Matriz vai decidir desconfinamento. Défice dispara para 5,7%

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório