Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Fotógrafo Edgar Martins em conversa virtual sobre exposição em Inglaterra

O fotógrafo Edgar Martins vai participar, na quarta-feira, numa conversa virtual, a propósito da exposição organizada pelo Herbert Art Gallery & Museum, em Coventry, acessível pela Internet, que resultou de um projeto do português numa prisão em Birmingham. 

Fotógrafo Edgar Martins em conversa virtual sobre exposição em Inglaterra
Notícias ao Minuto

13:48 - 11/03/21 por Lusa

Cultura Fotografia

A conversa, conduzida pelo escritor e académico britânico Mark Durden, pretende discutir o projeto em detalhe, examinando os temas, intenções e resultados do trabalho feito ao longo de três anos com presidiários, famílias e pessoas e organizações e indivíduos locais, em torno da HM Prison Birmingham, a maior prisão de categoria B na região de Midlands, centro de Inglaterra.

A exposição "What Photography & Incarceration have in Common with an Empty Vase" é a maior exposição que resultou do projeto, reunindo mais de 100 obras, vídeo e foto-instalações. 

Embora tenha visitado a prisão e os presidiários, Edgar Martins optou por só fotografar fora do recinto, procurando abordar a questão do encarceramento sem mostrar o interior das celas ou do edifício. 

"A fotografia durante muito tempo tem sido definida em termos da relação que tem com o assunto que é suposto representar, mas o que significa para a fotografia se não se identificar com o assunto, mas com a sua ausência? Pode a ausência ser uma forma de ativação?", questiona o fotógrafo português, numa apresentação da mostra. 

A exposição, programada para se manter até 18 de abril, só pode ser visitada pela Internet devido ao confinamento ainda em vigor, que resultou no encerramento de espaços culturais, os quais só deverão começar a reabrir em 17 de maio

Iniciando uma digressão mundial atrasada por causa da pandemia covid-19, a exposição patrocinada pela Direção-Geral das Artes e o Instituto Camões vai estar em seguida no Centro de Fografia de Genebra, entre 13 de outubro e 09 de janeiro de 2022, depois, no Museu Nacional de Arte Contemporânea, de Lisboa, cidade onde a Galeria Filomena Soares deu um primeiro vislumbre do projeto, em 2019, e, por fim, no Museu de Arte Contemporânea de Londres.

Mark Durden está atualmente a desenvolver um projeto de fotografia em resposta à arquitetura de Álvaro Siza, juntamente com João Leal.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório