Meteorologia

  • 07 MARçO 2021
Tempo
14º
MIN 11º MÁX 18º

Edição

José Atalaya: SPA lembra maestro que quis aproximar público e orquestras

A Sociedade Portuguesa de Autores (SPA) lamentou hoje a morte de José Atalaya, na sexta-feira, lembrando o maestro como alguém que queria "encurtar a distância entre o público e as orquestras".

José Atalaya: SPA lembra maestro que quis aproximar público e orquestras
Notícias ao Minuto

20:01 - 23/02/21 por Lusa

Cultura José Atalaya

"Tinha a convicção, na linha do que fez Leonard Bernstein, de que era desejável encurtar a distância entre o público e as orquestras", pode ler-se no comunicado da SPA.

José Atalaya morreu na passada sexta-feira, em Lisboa, aos 93 anos, e a sua morte foi divulgada pela família na segunda-feira.

José Atalaya era beneficiário da cooperativa desde janeiro de 1959 e seu cooperador desde agosto de 1985, segundo a SPA, que, na sua nota de pesar, traça o percurso do maestro que em 1948 foi "um dos fundadores da Juventude Musical Portuguesa e dirigiu o Grupo Experimental de Ópera de Câmara, criado com o apoio da Fundação Gulbenkian".

A SPA recorda que Atalaya "fundou a Academia de Música em Fafe" e coordenou, a convite da secretaria de Estado da Cultura, a antologia discográfica "Cinco Século de Música Portuguesa".

O velório de José Atalaya realiza-se na quinta-feira, na igreja de Nossa Senhora da Boa-Hora, em Lisboa, entre as 10:00 e as 14:00, seguindo-se o funeral para o cemitério de Barcarena.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório