Meteorologia

  • 04 JULHO 2020
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 34º

Edição

Estudo revela impacto local de mais de 8 milhões de euros do Agitágueda

O retorno na economia local do festival Agitágueda, que combina música, arte urbana e instalações, foi estimado em mais de oito milhões de euros, revela um estudo hoje divulgado e realizado pela consultora "Tayloring Business & Technology".

Estudo revela impacto local de mais de 8 milhões de euros do Agitágueda
Notícias ao Minuto

16:18 - 29/06/20 por Lusa

Cultura AgitÁgueda

Segundo o estudo, o festival "tem um impacto profundo na economia local, seja na restauração, no alojamento local, ou no comércio tradicional".

O AgitÁgueda Art Festival não se realiza este ano, mas estão previstas algumas iniciativas e a câmara criou uma aplicação para 'smartphones' para visualizar a instalação urbana dos guarda-chuvas coloridos.

Já no próximo fim de semana decorre o AgitÁgueda Drive-In, com comédia, música e projeção de filmes, às 22:00 no parque de estacionamento do Mercado de Águeda.

Está ainda prevista a dinamização de um roteiro de arte urbana e a dinamização do Rio com várias ações e atividades ao longo do verão, dependendo das recomendações da Direção Geral de Saúde.

Em 2019, o Agitágueda teve um custo de 711.630,14 euros e uma receita de 53.465,60 euros, de que resultou num custo líquido de 658.165 euros, mas, "por cada euro investido houve um retorno de 11,4 euros", conclui.

Os visitantes gastaram 2.958.295 euros nos restaurantes do concelho durante o agitágueda, o que, atendendo aos 173.491 visitantes estimados, revela um gasto médio de 17,05 euros por pessoa.

Já quanto ao comércio local, as compras efetuadas nas lojas de Águeda durante a duração do evento, cifraram-se em 1.137.803 euros, o que representa um gasto médio de 6,56 euros por pessoa.

Segundo dados da Sociedade Interbancária de Serviços (SIBS), durante o festival, entre 06 e 28 de julho de 2019, houve um movimento de 26.437.954 euros em pagamentos e levantamentos.

Nas operações realizadas naquele período, mais de nove milhões de euros foram movimentados em pagamentos com cartão e mais de oito milhões de euros foram levantamentos feitos nas caixas Multibanco.

De acordo com a consultora, o impacto total do Agitágueda é de mais de oito milhões de euros, sendo gastos com transportes 1.071.214 euros, em restaurantes 2.958.295 euros e em alojamento 1.551.784 euros.

Somam-se a esses gastos as compras (1.137.803 euros), a publicidade e divulgação (1.200.000 euros), bem como 177,537 euros de impacto adicional nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável.

"Os dados apurados tornam claro que investir na realização de um evento como o Agitágueda é uma aposta ganha do Município", considera Edson Santos, vice-presidente da Câmara de Águeda.

Edson Santos salienta ainda que o evento "projeta Águeda a nível mundial, sendo conhecida como a cidade dos chapéus coloridos", e reforça o orgulho e sentido de pertença da população.

Quanto a visitantes, o festival atraiu 173.491 pessoas e para além de portugueses, foram os franceses que mais visitaram Águeda por altura do festival, seguindo-se os alemães e os suiços.

Os alemães foram os que mais pernoitaram em Águeda para assistirem a mais dias de festival, seguindo-se os franceses e os ingleses.

O estudo evidencia, com base num inquérito realizado durante o evento, que 59% dos visitantes estavam em Águeda propositadamente e que 40% era a primeira vez que vinham ao festival.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório