Meteorologia

  • 18 JANEIRO 2020
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 18º

Edição

Imprensa Nacional lança livro dedicado à obra de Helena Almeida

Um livro que percorre os 50 anos da obra artística de Helena Almeida (1934-2018), com alguns desenhos do seu processo criativo e um ensaio inédito, vai ser lançado em 10 de dezembro, pela Imprensa Nacional, em Lisboa.

Imprensa Nacional lança livro dedicado à obra de Helena Almeida
Notícias ao Minuto

09:49 - 06/12/19 por Lusa

Cultura Fotografia

"Ph.03 Helena Almeida" é o título da obra inserida nesta série dedicada à fotografia portuguesa contemporânea, que já contemplou Jorge Molder, Paulo Nozolino e Fernando Lemos.

De acordo com a Imprensa Nacional, a obra, que será lançada às 18h30, na biblioteca da entidade, percorre cinco décadas da produção artística de Helena Almeida, com obras de 1968 até 2018, alguns desenhos, e um ensaio inédito de Delfim Sardo intitulado "Continuar aqui".

O livro termina com uma imagem da série "O abraço" onde está também o arquiteto e artista Artur Rosa, companheiro de vida da artista.

Delfim Sardo encerra o seu texto referindo: "Este abraço é abraçar alguém, como andar também tinha sido andar-para-alguém e esse outro (esse para quem) está sempre, de uma ou de outra forma, presente nas imagens de Helena Almeida. Se olharmos com muita intensidade, até podemos pensar que somos nós".

Helena Almeida criou, a partir dos anos 1960, uma obra multifacetada, sobretudo na área da fotografia, tornando-se uma figura destacada no panorama artístico português contemporâneo.

Helena Almeida nasceu em Lisboa, em 1934, cidade onde vivia e trabalhava, e estudou Pintura na Escola Superior de Belas-Artes de Lisboa, começando a expor individualmente em 1967, na Galeria Buchholz.

A artista representou Portugal na Bienal de Veneza por duas ocasiões: em 1982 e em 2005; em 2004, participou na Bienal de Sidney.

Nos últimos anos, a sua obra tem sido exibida no âmbito de exposições individuais e coletivas em museus e galerias nacionais e internacionais.

Em 2017, apresentou igualmente uma exposição individual "Work is never finished", no Art Institute, em Chicago, Estados Unidos.

Em janeiro, a Tate Modern, em Londres, pôs as obras "Tela Habitada" e a série "Desenho (com pigmento)", de Helena Almeida, em destaque até ao fim do ano, no contexto da exposição permanente.

A obra está presente em coleções portuguesas e internacionais como: Coleção Berardo, Lisboa; Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa; Fundação Serralves, Porto; Centro de Artes Visuales, Fundación Helga de Alvear, Cáceres; Fundación ARCO, Madrid; Hara Museum of Contemporary Art, Tóquio; MEIAC - Museo Extremeno e Iberoamericano de Arte Contemporáneo, Badajoz; Museu de Arte Contemporânea de Barcelona; Museo Nacional Centro de Arte Reina Sofía, Madrid; MUDAM - Musée d'Art Moderne Grand-Duc Jean, Luxemburgo; Tate Modern, Londres.

A Série Ph., dirigida por Cláudio Garrudo, "é uma coleção de monografias dedicada à fotografia portuguesa contemporânea, bilingue, de preço acessível, que pretende dar a conhecer a obra dos autores, com textos de especialistas e apresentando os territórios expandidos e múltiplos" desta disciplina artística, define a Imprensa Nacional.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório