Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2019
Tempo
16º
MIN 12º MÁX 17º

Edição

Disney voltou a contratar James Gunn para novo 'Guardians of the Galaxy'

O realizador tinha sido despedido na sequência de tweets ofensivos com vários anos que ressurgiram na internet. Muitos pediram ao estúdio para reconsiderar a sua decisão e circulou uma petição de apoio a Gunn que juntou mais de 200 mil assinaturas.

Disney voltou a contratar James Gunn para novo 'Guardians of the Galaxy'

A Disney cedeu e decidiu contratar novamente James Gunn para escrever e realizar o terceiro filme dos 'Guardians of the Galaxy', avança o Deadline. A Disney já confirmou a notícia do Deadline mas ainda não comentou este volte-face.

No ano passado, a Disney anunciou o despedimento de James Gunn depois de terem ressurgido na internet antigos tweets do realizador com referências consideradas ofensivas sobre temas como a pedofilia e violação. Os tweets teriam sido novamente publicados por ativistas conservadores, em parte devido às críticas frequentes que Gunn fazia a Trump.

O realizador pediu desculpas mas a Disney frisou que os comentários que fez eram “indefensáveis e inconsistentes com os nossos valores”.

Logo após ter sido conhecida a decisão de despedir James Gunn surgiu uma onda de apoio a James Gunn. O elenco de 'Guardians of the Galaxay' ficou ao lado de Gunn e pediu que a Disney reconsiderasse. Também foi criada uma petição que pedia à Disney para voltar a contratar o realizador e que foi assinada por mais de 200 mil pessoas.

Após muita intransigência, a Disney voltou atrás na sua posição. Curiosamente, já depois de James Gunn ter aceito realizar a sequela de 'Suicide Squad' da DC Comics (os rivais da Marvel da qual fazem parte os 'Guardians of the Galaxy').

James Gunn já reagiu a esta decisão. “Estou tremendamente grato a todas as pessoas que me apoiaram nos últimos meses (…) Aprecio profundamente a decisão da Disney e estou entusiasmado por continuar a fazer filmes que investigam os laços de amor que nos unem a todos”, pode ler-se na publicação.

Ainda antes de ser despedido, James Gunn já tinha escrito o argumento para o terceiro filme de 'Guardians of the Galaxy'. No entanto, a produção para o filme só deverá avançar depois da produção do segundo 'Suicide Squad' ter terminado.

James Gunn é visto como o grande responsável pelo inesperado e grande sucesso dos filmes de 'Guardians of the Galaxy', que renderam 1,6 mil milhões de dólares (1,4 mil milhões de euros) a nível global à Disney.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório