Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 26º

Edição

Lar Eficiência energética Contador inteligente: 3,2 milhões de...

Contador inteligente: 3,2 milhões de clientes têm. Quais as vantagens?

A principal vantagem, segundo os especialistas, passa por evitar as leituras estimadas e os acertos que daí decorrem. Ainda assim, existem outras vantagens que importa analisar. Ora veja.

Contador inteligente: 3,2 milhões de clientes têm. Quais as vantagens?

A Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) divulgou em agosto que 3,2 milhões de consumidores em Baixa Tensão Normal (BTN), ou seja, clientes domésticos e pequenas empresas, já têm um contador inteligente instalado e, destes, um milhão está ligado à rede inteligente. "Cerca de 52% das instalações em BTN tem já um contador inteligente instalado, correspondendo a 3,2 milhões de clientes, e os planos dos ORD BT indicam que em 2024 será a quase totalidade", divulgou o regulador, na altura.

A instalação destes contadores permite, por exemplo, o acesso a alguns serviços inovadores, tais como a "leitura remota mensal do contador ou a atuação remota para alguns serviços concretos." Mas quais são as vantagens de ter um contador inteligente de energia? O Doutor Finanças explica.

Segundo os especialistas, a principal vantagem passa por evitar as leituras estimadas e os acertos que daí decorrem. Ainda assim, existem outras vantagens que importa analisar.

Ter um contador inteligente de energia também permite fazer leituras à distância automaticamente. Deste modo, as suas faturas passam a refletir o que realmente consumiu, ou seja, tratam-se de leituras reais.

Também terá a possibilidade de fazer rapidamente alterações de tarifas ou de potência contratada, sem ser necessária uma visita técnica, bem como fazer uma reparação de possíveis avarias de forma mais rápida e eficaz.

Com um contador inteligente, será ainda possível ter um maior controlo sobre os consumos com os contadores inteligentes, uma vez que estes registam informação de consumo de eletricidade em períodos de curta duração.

Assim, se autorizar o tratamento dos seus dados de consumo, o comercializador pode dar-lhe informação detalhada sobre o seu perfil, permitindo-lhe tomar decisões mais acertadas. Por exemplo, quais os horários de maior consumo e qual o melhor tarifário para o tipo de consumo que faz, explica a plataforma especialista em finanças pessoais.

Mais ainda, um contador inteligente de energia oferece uma maior segurança para usar certos equipamentos, como o aquecimento no inverno, por exemplo. Isto porque, pode ver o consumo real que este representa, e assim, ligar e desligar quando quiser.

Permitem ainda, de forma rápida e simples, mudar de fornecedor de energia e possibilitam uma verificação simplificada dos consumos, no qual poderá ver os seus dados no quadro digital do contador e, assim, verificar se os valores apresentados correspondem ao que consta na sua fatura.

Saliente-se que se não pagar a sua fatura de energia, estes contadores fazem o corte automático da luz. Contudo, após o pagamento, fazem a ligação novamente o que evita custos com deslocação dos técnicos.

Evitam também qualquer tentativa de 'aldrabar' os consumos. Isto é, permitem registar tentativas de violação do contador, bem como a ausência de consumos. Por outro lado, facilitam os alertas para as equipas técnicas garantirem que as regras do mercado de energia estão a ser seguidas por todos os consumidores, faz ainda notar a plataforma.

Leia Também: Energia elétrica: 3,2 milhões de clientes já têm contador inteligente

Campo obrigatório