Meteorologia

  • 28 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 13º MÁX 23º

Edição

Lar Conselhos Conservar alimentos no congelador? S...

Conservar alimentos no congelador? Saiba como prepará-los

Congelar alimentos é uma prática que ajuda a preservar os seus nutrientes e ingredientes naturais por mais tempo. Por isso, é importante saber como prepará-los, para os ter sempre prontos a utilizar. Ora veja.

Conservar alimentos no congelador? Saiba como prepará-los
Notícias ao Minuto

14:44 - 13/10/21 por Notícias ao Minuto 

Casa Congelar alimentos

Congelar alimentos é uma prática que ajuda a preservar os seus nutrientes e ingredientes naturais por mais tempo e a verdade é que quase todos os alimentos podem ser congelados. Segundo a nutricionista Orion Carneiro, "trata-se de um método seguro e que permite conservar os alimentos ou comida já feita por mais tempo, enquanto preserva também grande parte das suas propriedades organoléticas (cor, textura, sabor) e dificulta ações desfavoráveis de microrganismos e enzimas." Por isso, é importante saber como prepará-los, para os ter sempre prontos a utilizar, afirma a DECO Proteste

Carne e peixe

No caso da carne, segundo a defesa do consumidor, deverá retirar os ossos, a gordura excessiva e os tendões. Antes de congelar o peixe, retire-lhe as vísceras, escame-o e lave-o bem.

Seja carne ou peixe, corte as porções que pretende, tendo em conta o tipo de preparação culinária. Assim, poderá colocá-las diretamente no tacho sem as descongelar.

Legumes

Os legumes devem ser descascados, lavados, cortados e escaldados durante um ou dois minutos em água a ferver. Isto porque esta fervura destrói enzimas, reduz o número de microrganismos e permite manter a cor dos legumes. Por fim, passe-os por água fria, seque-os com papel de cozinha e congele-os em sacos etiquetados.

Este processo aplica-se a couves, brócolos, cenouras, abóbora, feijão-verde, grão-de-bico, milho, espargos, entre outros. Também pode congelar salsa, coentros e ervas aromáticas. O tomate pode ser congelado cru, precisando apenas de o lavar e secar.

De realçar que os legumes ricos em água, como o pepino, a batata, a alface ou o rabanete, não se prestam à congelação, já que este processo altera a sua textura. Mas caso se destinem, por exemplo, a purés ou sopas, poderão também ser congelados.

Fruta

Conforme revela a DECO, deverá descascar e cortar a fruta em cubos, secá-la com papel de cozinha, colocá-la num tabuleiro e congelá-la. Depois, resta-lhe transfira-la para sacos de plástico etiquetados. Esta informação é válida para banana, laranja, quivi, ananás, morangos, frutos vermelhos e com caroço, como os pêssegos e alperces, por exemplo.

Frutos secos

Sabia que também pode congelar frutos secos, como avelãs, amêndoas, amendoins, pinhões, cajus e nozes? Congelados em sacos de plástico, conservam-se durante, pelo menos, um ano. Pode depois usá-los em bolos ou bolachas, por exemplo.

Pratos cozinhados

Alguns pratos cozinhados podem igualmente ser congelados, revela a DECO. Contudo, o arroz e a massa congelados ficam com uma textura mole pouco agradável, sendo aconselhável congelar numa caixa à parte os molhos e cozer uma porção de massa na hora de servir. Já as lasanhas não ficam a perder com o processo de congelação. 

Leia Também: Adeus pele flácida! Quatro alimentos que prometem ser seus aliados

Campo obrigatório