Meteorologia

  • 07 DEZEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 17º

Edição

Finanças Crédito à habitação Novos empréstimos à habitação totali...

Novos empréstimos à habitação totalizaram 1.261 milhões em agosto

Este valor corresponde a uma descida de 124 milhões de euros relativamente ao observado no mês anterior e a uma subida de 407 milhões de euros em relação a agosto do ano passado, revelam dados hoje divulgados pelo Banco de Portugal. Já a taxa de juro média destes empréstimos manteve-se em 0,80%.

Novos empréstimos à habitação totalizaram 1.261 milhões em agosto

Os novos empréstimos à habitação inverteram a tendência de subida. Segundo informa o Banco de Portugal, em agosto, estes empréstimos totalizaram cerca de 1.261 milhões de euros. De acordo com os dados hoje divulgados, este valor corresponde a uma descida de 124 milhões de euros relativamente ao observado no mês anterior e a uma subida de 407 milhões de euros em relação a agosto do ano passado. Já a taxa de juro média destes empréstimos manteve-se em 0,80%. Esta taxa encontra-se abaixo de 1% desde agosto de 2020.

Por seu turno, no segmento de consumo, os bancos emprestaram 413 milhões de euros, montante que representa uma redução de 16 milhões de euros em relação a julho deste ano e um aumento de 50 milhões de euros face a agosto de 2020. No crédito ao consumo, a taxa de juro média foi de 6,66%, faz notar o BdP.

Por referência aos montantes de novos depósitos, aumentou para 3746 milhões de euros, em agosto, dos quais 3153 milhões de euros foram aplicados em depósitos até um ano.

Por sua vez, a taxa de juro média manteve-se em 0,05%, prolongando assim a tendência de descida registada nos últimos anos, divulgam os mesmos dados. Desde novembro de 2015 que a taxa de juro média dos depósitos de particulares em Portugal se situa abaixo da média da área do euro, dá conta o BdP.

Leia Também: Novos empréstimos à habitação totalizaram 1.385 milhões de euros em julho

Campo obrigatório