Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2021
Tempo
25º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Imobiliário Construção Portugueses entre os finalistas do p...

Portugueses entre os finalistas do prémio de arquitetura Golden Trezzini

O novo edifício de receção do Portugal dos Pequenitos, em Coimbra, e a Casa Marques da Silva, no Porto, são dois dos 15 projetos portugueses nomeados para o prémio Golden Trezzini Awards. Conheça 'aqui' a lista com os restantes projetos portugueses selecionados.

Portugueses entre os finalistas do prémio de arquitetura Golden Trezzini

Estão 15 projetos portugueses entre os finalistas do prémio de arquitetura Golden Trezzini. De acordo com a informação divulgada no site oficial, o novo edifício de receção do Portugal dos Pequenitos, em Coimbra, e a Casa Marques da Silva, no Porto, são dois dos projetos nacionais nomeados para o prémio. De entre vinte categorias, a arquitetura portuguesa faz-se representar num prémio que (também) tem um português no júri, o arquiteto Eduardo Souto Moura.

Segundo a organização, na categoria de 'Melhor Projeto de Residência Privada', estão três projetos portugueses, nomeadamente o da 'Casa na Areia no Guincho', em Cascais, do Atelier Subvert, do arquiteto Tiago Rebelo de Andrade, a 'Casa Solar', em Cascais, da Galant I.D.lda e a 'Casa perto da Serra da Estrela', projetada para Belmonte, do arquiteto João Cepeda.

Além do projeto 'Casa na Areia no Guincho', note que o Atelier Subvert tem também o projeto Edifício Náutico, em Cascais, nomeado na categoria de 'Melhor Fachada ou Projeto de Interior em Cerâmica' e o projeto do novo edifício de receção do Portugal dos Pequenitos, em Coimbra, na categoria de 'Melhor Design de Museu'.

Por sua vez, na categoria de 'Reconstrução e Melhor Restauro', surgem dois projetos portugueses: o projeto da 'Casa Marques da Silva', no Porto, do gabinete Franca Arquitetura e a 'Box House', em Paredes de Coura, do arquiteto Tiago Sousa, que está igualmente nomeado na categoria de 'Melhor Projeto de Casa Privada Implementado'.

Já no que toca a projetos com intervenção em edifícios públicos surgem também dois projetos da autoria de arquitetos portugueses, sendo eles o projeto para a 'Escola de Culinária em Sintra', do arquiteto Miguel Marcelino, e o 'Future pRoof', projetado pela arquiteta siciliana Giusy Mazzarella.

Por fim, um dos projetos nomeados na categoria de 'Melhor Projeto de Casa Privada Implementado' é a Casa de Mafra, do arquiteto João Tiago Aguiar, e na categoria de 'Melhor Design de Interiores', o candidato é um apartamento em Alfornelos, na Amadora, da autoria de Miguel Marcelino.

Confira 'aqui' a lista com os projetos portugueses selecionados:

  • Best Architectural Design for Museum

Portugal dos Pequenitos (Coimbra, Portugal) de Subvert Studio.

  • Best Implemented Restoration / Reconstruction Project

Box (Paredes de Coura, Portugal) de Tiago Sousa Arquiteto e Casa Marques da Silva (Porto, Portugal) de Franca Arquitetura;

  • Best Project of Public Building or Facility

Escola de Culinária (Sintra, Portugal) de Miguel Marcelino, future pROOF (Amieira, Portugal) de Giusy Mazzarella e Mercado do Peixe (Caldas da Rainha, Portugal) de Almeida Fernandes, Arquitetura e Design

  • Best Project of Private Residence

Casa na Areia (Cascais, Portugal) de Subvert Studio, Casa perto da  Serra da Estrela (Belmonte, Portugal) de João Cepeda e Casa Solar (Cascais, Portugal) de Galant I.D. lda

  • Best Implemented Project of Private Residence

Box (Paredes de Coura, Portugal) de Tiago Sousa Arquitecto, Comporta (Setúbal, Portugal) de Almeida Fernandes, Arquitectura e Design, Casa em Mafra (Lisboa, Portugal) de João Tiago Aguiar e Monte da Caliça (Grândola . Portugal) de A+Architecture

  • Best Implemented Apartment / Private House Interior Design Project

Apartamento Alfornelos (Amadora, Portugal) de Miguel Marcelino 

  • Best Project of Building or Facility by Student

Sleeping Pods (Vale de Moses . Portugal) de uma equipa de estudantes de uma Universidade da Coreia do Sul

  • Best Implemented Façade or Interior Project Using Ceramics

Edifício Náutico (Cascais, Portugal) de Subvert Studio

Leia Também: Seis tendências da construção e da arquitetura trazidas pela pandemia

Campo obrigatório