Meteorologia

  • 20 SETEMBRO 2021
Tempo
17º
MIN 17º MÁX 26º

Edição

Imobiliário Habitação Quais são os municípios mais caros p...

Quais são os municípios mais caros para comprar casa em Portugal?

Há cinco municípios no país que têm preços superiores a 3.000 euros por m2, segundo um estudo hoje divulgado pelo idealista.

Quais são os municípios mais caros para comprar casa em Portugal?

Dos 25 municípios mais caros para comprar casa em Portugal, Lisboa é o município mais exclusivo para adquirir uma habitação com o metro quadrado mais caro do país. De acordo com o estudo do idealista, enviado ao Notícias ao Minuto, os proprietários da capital portuguesa pedem, em média, 4.898 euros por m2.

Segundo a análise do Marketplace imobiliário de Portugal, o ranking dos cinco municípios mais caros completa-se com Cascais (3.691 euros por m2), Grândola (3.376 euros por m2), Loulé (3.026 euros por m2) e Porto (3.026 euros por m2). O sexto lugar vai para Oeiras, em Lisboa, onde o metro quadrado custa 2.997 euros.

Já por menos de 3.000 euros por metro quadrado, encontram-se os municípios de Lagos (2.699 euros por m2), Lagoa (2.672 euros por m2), Sesimbra (2.545 euros por m2), Albufeira (2.438 euros por m2), Matosinhos (2.373 euros por m2), Odivelas (2.208 euros por m2) e Tavira (2.199 euros por m2), lê-se no documento.

O ranking continua com o distrito de Lisboa, mais precisamente Loures (2.179 euros por m2) e Amadora (2.170 euros por m2). Seguem-se os municípios de Portimão (2.108 euros por m2), Almada (2.073 euros por m2), Silves (2.039 euros por m2), Vila Real de Santo António e Faro (2.029 euros por m2 em ambos os municípios), Funchal (2.018 euros por m2) e Olhão (2.004 euros por m2), de acordo com o portal especialista no setor imobiliário.

Por seu lado, nos três últimos lugares do ranking, encontram-se os municípios de Espinho (2.002 euros por m2), Alcochete (1.968 euros por m2) e Nazaré (1.957 euros por m2), mostram os dados hoje divulgados.

Segundo o idealista, a lista dos distritos com municípios nas 25 primeiras posições completa-se com Montemor-o-Novo em Évora (1.890 euros por m2), Coimbra (1.736 euros por m2), Esposende em Braga (1.564 euros por m2), Odemira em Beja (1.500 euros por m2), Viana do Castelo (1.238 euros por m2) e Vila Real (1.165 euros por m2). 

No sentido contrário, Guarda é o município desta lista onde é mais barato comprar casa (713 euros por m2). Seguem-se Ponte de Sor em Portalegre (735 euros por m2), Castelo Branco (796 euros por m2), Mirandela em Bragança (828 euros por m2), Benavente em Santarém (1.105 euros por m2) e (Viseu 1.111 euros por m2) como os municípios mais caros de cada distrito.

Leia Também: Comprar casa? Lisboa é a 2.ª capital europeia com os preços mais em conta

Campo obrigatório