Meteorologia

  • 27 SETEMBRO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 26º

Edição

Finanças Investimentos Imobiliário será um dos setores venc...

Imobiliário será um dos setores vencedores da pandemia, diz Natixis

Quase três em cada quatro inquiridos da Natixis Investment Managers acreditam que o imobiliário será um dos setores que sairá mais forte da crise da Covid-19 no que diz respeito ao investimento.

Imobiliário será um dos setores vencedores da pandemia, diz Natixis

O investimento imobiliário já é considerado um dos grandes vencedores da pandemia da Covid-19. De acordo com o estudo da Natixis Investment Managers, a que o idealista teve acesso, quase três em cada quatro inquiridos acreditam que o imobiliário será um dos setores que sairá mais forte da Covid-19, ao nível de investimento.

Segundo o estudo levado a cabo pela entidade francesa, cerca de 74% dos participantes (gestores, especialistas em estratégia e economistas) acreditam que o investimento imobiliário vencerá a crise.

Ainda dentro do imobiliário, a Natixis destaca que o teletrabalho é para manter e o regresso aos escritórios está a ser adiado, lê-se no documento.

De acordo com a entidade francesa, a tecnologia (88%), da saúde (83%) e o investimento em fatores ESG (76%), isto é, ambientais, sociais e governamentais, são outros setores que os inquiridos acreditam que também sairão vencedores da atual pandemia.

Quanto aos riscos previstos para os próximos meses, recomenda-se que os investidores continuem atentos a vários fatores como a inflação, a evolução das variantes Covid-19, as tensões comerciais entre a China e os EUA, os riscos geopolíticos, as avaliações de ativos e as possíveis decisões que os bancos centrais possam tomar, revela o idealista. 

Numa escala global, a chave será a Reserva Federal dos EUA, cujas políticas não só influenciam a primeira potência mundial, mas também as economias emergentes. "De todos os fatores que poderão influenciar o desempenho do mercado na segunda metade de 2021, os especialistas acreditam que os movimentos da Reserva Federal são os mais importantes", lê-se no relatório.

De acordo com o idealista, os especialistas consultados pela Natixis acreditam ainda que é essencial que a inflação seja transitória para não pesar na recuperação. E é ainda importante que o Governo federal mantenha uma política fiscal expansiva.

Isto porque "os consumidores acabaram de sair do confinamento e estão a comprar em abundância, fator esse que se deve somar ao facto das cadeias de fornecedores estarem estranguladas", explica a entidade francesa.

Leia Também: Investimento em imobiliário cresceu 57% no 2.º trimestre para 351 milhões

Campo obrigatório