Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2021
Tempo
21º
MIN 17º MÁX 23º

Edição

Imobiliário Habitação Brasil: Hotéis abandonados serão con...

Brasil: Hotéis abandonados serão convertidos em imóveis para a habitação

Empreendimentos turísticos no Brasil levados á falência devido à falta de turistas por causa da Covid-19, serão transformados em imóveis destinados à habitação ou convertidos em escritórios.

Brasil: Hotéis abandonados serão convertidos em imóveis para a habitação

São vários hotéis no Rio de Janeiro que estão já há algum tempo abandonados ou fechados por motivos de falência, por causa da falta de turistas devido à atual pandemia. De maneira a contornar esta problemática, a Autarquia da cidade deu 'luz' verde para que estes passem a serem usados como habitação. De acordo com o Diário Imobiliário, que avança com a notícia, os empreendimentos turísticos no Brasil em desuso, irão começar a ser transformados em imóveis destinados à habitação ou ao trabalho, tornando-se assim nas novas casas de potenciais compradores ou nos novos escritórios de empresas interessadas em adquiri-los.

O caso mais emblemático surgiu na semana passada, quando a Câmara Municipal do Reio de Janeiro autorizou que o Hotel Glória, o primeiro cinco estrelas do Brasil, voltasse a abrir suas portas não como unidade hoteleira mas como prédio de apartamentos e escritórios. O Executivo municipal está a analisar outros pedidos semelhantes, sublinhe-se.

A transformação deste hotel marca assim uma tendência que atinge a hotelaria do Rio de Janeiro e o resto do país. 

Segundo afirmou à imprensa brasileira, o secretário municipal de Desenvolvimento Económico, Inovação e Simplificação, Chicão Bulhões, “a conversão do hotel num prédio misto, com salas comerciais e apartamentos residenciais, permitirá que esses imóveis que hoje estão vazios retornem ao mercado”, refere o Diário Imobiliário.

Acrescentando que, "além do Hotel Glória também a conversão Flamengo Palace e do Hotel Paissandu, outro hotel icónico da cidade, ambos localizados no bairro do Flamengo, foram autorizadas pela prefeitura e que outros casos estão em análise", sustenta.

De acordo com o Panrotas, “cerca de 12 (hotéis) não voltaram a abrir até hoje, entre eles, o Hotel Everest, que pode ser convertido também em prédio misto”. Já para alguns analistas,  uma das explicações para a crise hoteleira no Brasil, para além da pandemia, recai na alta oferta surgida na sequência dos Jogos Olímpicos de 2016.

Leia Também: Polícia brasileira prende suspeito de homicídio em fuga há 20 dias

Campo obrigatório