Meteorologia

  • 19 OUTUBRO 2021
Tempo
21º
MIN 18º MÁX 28º

Edição

Imobiliário Habitação Licenças habitacionais emitidas pela...

Licenças habitacionais emitidas pelas autarquias sobem 20,6%

Nos primeiros quatro meses deste ano, observou-se um aumento de 20,6% no número de licenças para obras de construção emitidas pelas Câmaras Municipais. De acordo com a AICCOPN, o novo crédito à habitação e a avaliação bancária também registaram uma subida de 24,2% e de 8,0%, respetivamente.

Licenças habitacionais emitidas pelas autarquias sobem 20,6%

Verificou-se um aumento de 20,6% nas licenças habitacionais, uma subida de 24,2% no novo crédito à habitação e um crescimento da avaliação bancária em 8,0%, até abril de 2021. De acordo com a síntese de estatística de habitação, da Associação dos Industriais da Construção Civil e Obras Públicas, enviada aos jornalistas, no que concerne às licenças emitidas pelas Câmaras Municipais para obras de construção ou reabilitação de edifícios habitacionais, apura-se um aumento de 20,6%, em resultado de um incremento de 22,6% na habitação nova, de 19,1% nos fogos em construções novas e de 13,2% nas obras de reabilitação habitacionais.

Note-se, contudo, que estas expressivas variações no licenciamento são parcialmente explicadas pela redução do licenciamento ocorrida nos meses de março e abril de 2020, em resultado do surto pandémico e das primeiras medidas de confinamento, lê-se no comunicado enviado ao Notícias ao Minuto.

Relativamente à evolução do crédito bancário, ainda nestes primeiros quatro meses de 2021, observa-se um crescimento significativo do novo crédito concedido para aquisição de habitação, que totalizou 4.569 milhões de euros, o que traduz um acréscimo de 24,2%, em termos homólogos.

No mesmo mês em análise, a avaliação bancária na habitação fixou um novo máximo histórico ao valorizar-se 8,0%, em termos homólogos. Dados da AICCOPN mostram que nos apartamentos, o aumento foi de 8,6% e nas moradias de 6,5%, em termos homólogos.

Nos primeiros quatro meses de 2021, observa-se um aumento de 11,5%, em termos homólogos, do consumo de cimento no mercado nacional, faz notar a associação.

Área Metropolitana do Porto

O número de fogos licenciados na área Metropolitana do Porto em construções novas nos doze meses terminados em abril de 2021 totalizou 5.360, o que traduz um aumento de 11,6% face aos 4.805 alojamentos licenciados nos doze meses anteriores, de acordo com a síntese de estatística de habitação da AICCOPN. Destes, 22,1% são de tipologia T1 ou inferior, 28,2% de tipologia T2 e 49,6% de tipologia T3 ou superior, sublinhe-se.

Quanto ao valor de avaliação bancária na habitação nesta região verificou-se, em abril, uma variação homóloga de 9,4%.

Leia Também: Concursos de obras públicas caem em maio. Mas contratos celebrados sobem

Campo obrigatório