Meteorologia

  • 10 AGOSTO 2022
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 26º
Lar Eficiência energética Climatização em casa. Como otimizar ...

Climatização em casa. Como otimizar os seus gastos?

Note que o arrefecimento e o aquecimento da sua habitação representam um dos maiores consumos energéticos, podendo levar a custos elevados no final do mês.

Climatização em casa. Como otimizar os seus gastos?
Notícias ao Minuto

16:22 - 14/04/21 por Ana Rita Soares 

Casa Climatização

Existem formas de otimizar os gastos com a climatização da sua casa. Quer saber como? Conheça 'aqui' as dicas de poupança do Comparajá.pt para reduzir a sua fatura de energia. 

A temperatura média de uma habitação, para estar confortável, deve rondar os 20 graus, no entanto nem sempre é possível manter a climatização adequada, de forma natural.

Muitas vezes, principalmente quando o tempo está muito frio ou muito quente, saliente-se que é mesmo necessário recorrer a equipamentos de climatização que acabam por representar um custo maior na fatura da luz, uma vez que são responsáveis por grande parte do consumo energético.

Anote as ideias para otimizar os gastos com climatização em casa

1 – Escolha equipamentos de climatização eficientes

Em primeiro lugar, o Comparajá.pt sublinha que é importante que escolha um equipamento de climatização que, por si só, seja mais eficiente, uma vez que, um aparelho com uma classe energética superior será mais económico, tanto no seu consumo de energia, como no seu desempenho.

O aquecimento central (caldeira e radiadores) ou ar condicionado são boas opções de sistemas de climatização. Porém, se tiver uma disponibilidade financeira mais elevada, o piso radiante também é uma escolha eficiente.

2 – Isole bem todas as divisões

As divisões, quanto mais bem isoladas estiverem, melhor conseguem manter a climatização, uma vez que existe menos probabilidade de ocorrerem fugas de calor ou frio.

Existem formas simples de fazer este isolamento, podendo optar por fitas de calafetagem ou fitas em borracha adesiva para isolar janelas e tiras de vedação para colocar na parte inferior das portas ou “veda portas”, que se encontram à venda em grandes superfícies, a um preço acessível.

3 – Tire partido das portas e janelas

Saliente-se que as portas e janelas têm um papel muito importante na manutenção da climatização da sua residência. No verão, aproveite para abri-las, de manhã cedo e ao final do dia, de forma a refrescar a casa, e mantenha os estores, persianas e cortinados fechados, para evitar que entre sol, aquecendo demasiado a casa.

No inverno, deve optar por fazer o oposto. Certifique-se que as portas e janelas se mantêm fechadas, mas aproveite para deixar o sol entrar, para ajudar a habitação a manter-se mais quente.

4 – Preste atenção às alterações de temperatura

Sabia que o aumento da temperatura do ar condicionado em um grau representa um consumo energético adicional de cerca de 7%? Pelo que é importante fazer uma gestão adequada das alterações climáticas das divisões da sua casa. Assim sendo, certifique-se que mantém as temperaturas fixas nos mesmos graus durante longos períodos de tempo, de forma a evitar picos de consumo. 

5 – Ative o temporizador

É comum os equipamentos de climatização terem a funcionalidade de temporizador. Desta forma, pode pré-definir o seu tempo de utilização, programando o aparelho para ligar e desligar automaticamente, evitando consumos desnecessários.

6 – Certifique-se de que faz a manutenção necessária

Se tem ar condicionado em casa, é muito importante que não descure a manutenção deste. Deve limpar os filtros e manter as laterais e o fundo desobstruídos, de forma a melhorar a qualidade do ar e evitar fungos e bactérias responsáveis por alergias e outras condições respiratórias. O Comparajá.pt diz que é aconselhável que efetue a manutenção do seu equipamento de seis em seis meses, pelo menos.

Leia Também: Direção-Geral do Consumidor promove sessões de sensibilização ecológica

Campo obrigatório