Meteorologia

  • 17 JULHO 2024
Tempo
29º
MIN 16º MÁX 29º

Toyota mantém liderança mundial nas vendas de automóveis

Marca japonesa lidera há já quatro anos.

Toyota mantém liderança mundial nas vendas de automóveis
Notícias ao Minuto

07:13 - 30/01/24 por Lusa

Auto Toyota

Tóquio, 30 jan 2024 (Lusa) - A fabricante de automóveis Toyota Motor anunciou hoje que vendeu 11,23 milhões de veículos em 2023, um novo recorde anual, mantendo a liderança mundial de vendas, pelo quarto ano consecutivo.

Este valor inclui as vendas das subsidiárias, incluindo a Lexus, a Daihatsu e a fabricante de camiões Hino, representando um aumento de 7,2% nas vendas globais do grupo, incentivadas pela forte procura no Japão, América do Norte e Europa.

Só a marca Toyota vendeu 10,31 milhões de veículos em todo o mundo, um aumento de 7,7%, apesar do impacto da escassez de semicondutores.

Por outro lado, as vendas de automóveis da empresa japonesa diminuíram ligeiramente na China devido à intensificação da concorrência local e também caíram na Tailândia e no Vietname devido ao enfraquecimento das economias locais.

Embora a Toyota tenha perdido terreno nos veículos totalmente elétricos, o grupo beneficiou de um aumento nas vendas de automóveis híbridos.

A rival alemã Volkswagen vendeu 9,24 milhões de veículos no ano passado (mais 12%), enquanto a sul-coreana Hyundai-Kia manteve o terceiro lugar, com 7,3 milhões de unidades vendidas em 2023 (mais 6,7%).

O recorde anterior de vendas da Toyota era de 10,74 milhões de veículos, em 2019.

A produção global do grupo japonês também aumentou 8,6%, para um recorde de 11,52 milhões de veículos.

Estes dados surgem um dia depois do líder da Toyota, Koji Sato, ter pedido desculpas aos clientes, fornecedores e revendedores por irregularidades relacionadas com o controlo da qualidade dos veículos.

Horas antes, o grupo tinha revelado que a filial Toyota Industries Corporation cometeu irregularidades nas medições de potência de três motores a gasóleo fabricados pela empresa e instalados em 10 dos modelos de veículos vendidos a nível mundial.

Apesar de uma nova verificação tenha confirmado que os veículos "cumprem as normas legais", a Toyota decidiu suspender temporariamente as exportações dos motores e dos modelos equipados com os mesmos componentes, informou a empresa japonesa em comunicado.

Tratam-se dos modelos Land Cruiser Prado, o Land Cruiser 300, a Hilux, o Fortuner e a carrinha Hiace.

"Faremos o possível para retomar a produção o mais rápido possível", disse Koji Sato numa conferência de imprensa, na noite de segunda-feira, na sede da Toyota, em Tóquio.

"A direção não foi capaz de compreender e acompanhar totalmente os detalhes do que estava a acontecer no terreno", admitiu Sato.

O executivo reconheceu também que os trabalhadores se tinham sentido pressionados para despachar os testes numa indústria intensamente competitiva.

Em dezembro, a Daihatsu suspendeu todas as entregas de veículos dentro e fora do Japão, depois de ter descoberto que os testes de segurança e as emissões da maioria dos modelos foram manipulados.

Em março de 2022, a Hino admitiu ter apresentado às autoridades japonesas dados fraudulentos sobre as emissões e economia de combustível.

Recomendados para si

;

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório