Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

Ford manda recolher 634 mil veículos por risco de incêndio

A possibilidade de injetores de combustível rachados levou a marca norte-americana a 'mandar chamar' 634 mil veículos, recomendando aos proprietários que inspecionem os mesmos.

Ford manda recolher 634 mil veículos por risco de incêndio
Notícias ao Minuto

18:31 - 24/11/22 por Notícias ao Minuto

Auto Ford

A Ford Motor Co. está a recolher 634 mil SUVs em todo o mundo, devido ao risco de incêndio associado a possíveis injetores de combustível rachados nos mesmos. A segunda maior fabricante de veículos dos Estados Unidos vai pedir aos proprietários que levem os seus veículos à inspeção.

A Ford anunciou, esta quinta-feira, que os veículos que pretende ver 'recolhidos' são os SUVs Bronco Sport e Escape do ano modelo 2020-2023 com motores de 3 cilindros e 1,5 litros, incluindo muitos também recolhidos em abril, graças a um compartimento do separador de óleo que pode rachar e desenvolver um derrame que pode causar um incêndio do motor. Os veículos reparados na 'recolha' anterior ainda precisarão da nova correção, disse a Administração Nacional de Segurança no Tráfego Rodoviário, citada pela Reuters.

Quando os motores dos SUVs incluídos na última recolha se encontram em funcionamento,  um injetor de combustível rachado pode fazer com que o combustível ou vapor de combustível se acumule perto de superfícies quentes, resultando potencialmente num incêndio sob o capô.

Assim que as reparações estiverem disponíveis, anunciou a Ford, os revendedores vão atualizar o software do veículo para detetar se um injetor de combustível está rachado, resultando numa mensagem no painel para alertar os motoristas.

“Se for detetada uma queda de pressão no trilho de combustível, a potência do motor será automaticamente reduzida para minimizar qualquer risco, além de permitir que os clientes se dirijam até um local seguro, parem o veículo e façam a inspeção”, acrescentou a marca.

A 'recolha' abrange 520 mil veículos nos Estados Unidos e cerca de 114 mil noutros países.

A Ford anunciou que recebeu 54 relatórios de incêndios sob o capô nos modelos de 1,5 litros, incluindo quatro com injetores de combustível rachados. Cerca de 13 outros foram provavelmente causados por um injetor de combustível com derrames.

Leia Também: Produção automóvel em Portugal aumenta 9,8% até outubro

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório