Meteorologia

  • 24 JUNHO 2017
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 20º

Edição

"Perigo" atrasa trabalho dos bombeiros para retirar corpo de escombros

Os bombeiros prosseguem os trabalhos para tirar o corpo de um segundo homem que morreu hoje na derrocada de um prédio na Rua Alexandre Herculano, disse fonte do Regimento Sapadores Bombeiros de Lisboa.

"Perigo" atrasa trabalho dos bombeiros para retirar corpo de escombros
Notícias ao Minuto

21:23 - 28/11/16 por Lusa

País Lisboa

"Os trabalhos estão a decorrer e ainda vão demorar por causa do perigo que existe", disse a mesma fonte à agência Lusa, cerca das 21h00.

O comandante Pedro Patrício já tinha afirmado aos jornalistas no local que o perigo "é iminente", porque os trabalhos estão a decorrer em "estruturas que cederam e podem ceder a qualquer momento".

As duas vítimas são de nacionalidade portuguesa e trabalhavam para o empreiteiro da obra, o Grupo Casais, que, contactado pela Lusa, remeteu declarações para mais tarde.

O alerta para a derrocada na parte interior da fachada de um prédio que está em obras na Rua Alexandre Herculano (na esquina com a Rua Rodrigo da Fonseca) foi dado pelas 12h00 de hoje.

Segundo os bombeiros, três pisos derrocaram, com as lajes interiores a caírem para dentro daquilo que se chama de saguão.

Às 21h00, permanecia encerrada ao trânsito, segundo fonte a PSP, a rua Rodrigo da Fonseca, desde a Alexandra Herculano e até ao final.

Na rua Alexandre Herculano o trânsito está condicionado no sentido descendente até à Avenida da Liberdade, acrescentou.

Campo obrigatório