Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2017
Tempo
24º
MIN 22º MÁX 27º

Edição

Escritora sente "repulsa e pena" por quem se manifesta

Em entrevista ao ‘Bom dia Portugal’, da RTP1, Margarida Rebelo Pinto afirmou, este sábado, que sente “repulsa e pena” pelos portugueses que se manifestam. A escritora acredita que estamos perante uma “falta de responsabilidade civil, falta de memória e falta de inteligência” e que “não é este Governo o responsável pela ultraprecária situação económica que Portugal vive neste momento”.

Notícias ao Minuto

06:31 - 07/11/13 por Notícias Ao Minuto

País Vídeo

“Fico profundamente triste enquanto cidadã portuguesa em ver este tipo de manifestações que demonstram falta de civismo das pessoas que vão interromper e tentar perturbar o trabalho daqueles que, neste momento, governam o País”. A afirmação de Margarida Rebelo Pinto, proferida este sábado no programa ‘Bom dia Portugal’, da RTP1, está a causar polémica.

Nas redes sociais, circula o vídeo em que a escritora admite, a partir do minuto sete, sentir “repulsa e pena” pelos portugueses que se manifestam, numa atitude que, nas suas palavras, demonstra “falta de responsabilidade civil, falta de memória e falta de inteligência”.

Para a escritora que acabou de lançar o seu 19º livro, ‘Há sempre uma primeira vez’, “não é este Governo o responsável pela ultraprecária situação económica que Portugal vive neste momento. Houve vários governos antes com várias medidas suicidas a longo prazo que nos puseram onde nós estamos”.

Margarida Rebelo Pinto acrescentou, ainda, que “não é com esta atitude de treinador de bancada, ir para lá e mandar vir, que as coisas se resolvem”.

“Eu, como todos os cidadãos, também tive cortes. Todos ganhamos menos e todos temos de aprender a ganhar menos”, reforçou.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório