Finanças espanholas ultimam queixa contra Ronaldo por fuga ao fisco

Cristiano Ronaldo volta a ver o seu nome associado a fraude fiscal.

© Getty Images
Mundo Espanha

A Autoridade Tributária espanhola está a terminar a preparação de uma denúncia contra Cristiano Ronaldo por casos de fraude fiscal. Depois de Fábio Coentrão, Falcao, Di María e Ricardo Carvalho, segue-se a estrela maior do Real Madrid.

PUB

De acordo com o El Confidencial, a acusação deverá ser feita em breve, já que estão em causa possíveis fraudes fiscais de 2011 que prescrevem no final do mês de junho.

As fugas ao fisco têm em conta a utilização dos direitos de imagem dos jogadores e a forma como o dinheiro relacionado com os mesmos foi, alegadamente, colocado em paraísos fiscais. As informações foram inicialmente divulgadas pelo El Mundo, depois de uma investigação do Footballeaks que concluía que Ronaldo desviou cerca de 150 milhões de euros.

Em declarações ao El Confidencial, e já depois de, na altura, Ronaldo ter negado qualquer fuga ao fisco, um porta-voz do jogador explicou que “a Autoridade Tributária espanhola tem critérios diferentes” em relação aos direitos de imagens. Referindo-se à lei Beckham, frisou ainda que “só estava obrigado a pagar pela receita conseguida em Espanha e não pela totalidade mundial”.

As autoridades fiscais de Madrid deverão, deste modo e segundo fontes do jornal espanhol, receber para investigação o caso do melhor futebolista do mundo. Recorde-se que alguns jogadores que atuam ou atuaram no Barcelona, como Messi, Mascherano, Alexis Sánchez, Eto’o e Adriano Correia também foram acusados dos mesmos crimes.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser