Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2017
Tempo
24º
MIN 23º MÁX 25º

Edição

Antiga Presidente da Coreia do Sul ouvida na procuradoria de Seul

A antiga chefe de Estado da Coreia do Sul Park Geun-hye compareceu hoje na procuradoria de Seul para ser interrogada pela primeira vez pelo seu alegado envolvimento no caso de corrupção "Rasputina", que levou à sua destituição.

Antiga Presidente da Coreia do Sul ouvida na procuradoria de Seul
Notícias ao Minuto

06:20 - 21/03/17 por Lusa

Mundo Park Geun-hye

Aos jornalistas presentes no local, a ex-Presidente, que insiste na sua inocência, fez uma breve declaração a pedir perdão e a dizer que vai responder às perguntas dos investigadores "escrupulosamente".

Park Geun-hye, obrigada a comparecer na justiça depois de perder a imunidade presidencial, tem previsto realizar uma declaração sobre os crimes de que é acusada, entre os quais suborno e abuso de poder.

O escândalo está centrado em Choi Soon-Sil, amiga de 40 anos da ex-Presidente, suspeita de ter usado pessoas para obrigar os grandes grupos industriais do país a "dar" quase 70 milhões de dólares (cerca de 65 milhões de euros) a duvidosas fundações por si controladas.

A Presidente foi acusada de cumplicidade e de permitir que Choi se intrometesse em assuntos do Estado, sem ter qualquer título oficial.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório