Meteorologia

  • 11 DEZEMBRO 2018
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 14º

Edição

Bandeira dos EUA volta a ser içada na embaixada em Cuba, 54 anos depois

Três 'marines' agora reformados que arriaram a bandeira dos Estados Unidos na embaixada norte-americana em Cuba em 1961 voltam na sexta-feira à ilha com o secretário de Estado John Kerry para hastear aquele símbolo do país.

Bandeira dos EUA volta a ser içada na embaixada em Cuba, 54 anos depois
Notícias ao Minuto

23:53 - 13/08/15 por Lusa

Mundo Diplomacia

"Vou adorar ver a bandeira a ser içada novamente", disse um dos fuzileiros navais norte-americanos, Jim Tracy, de 78 anos, num vídeo colocado no 'site' do Departamento de Estado.

Tracy, 'marine' durante 30 anos, era um sargento encarregado de arriar a bandeira na embaixada de Havana quando os Estados Unidos romperam relações com Cuba a 04 de janeiro de 1961.

Na altura, os cabos Mike East e Larry Morris ajudaram Jim Tracy a arriar a "Stars and Stripes" (alcunha da bandeira dos Estados Unidos) e a dobrá-la cerimoniosamente.

"Foi um momento comovente", disse East, agora com 76 anos.

Na sexta-feira vão regressar a Havana com Kerry para selar a renovação das relações diplomáticas entre os dois países, ex-inimigos da Guerra Fria, iniciada em dezembro pelos presidentes Barack Obama e Raul Castro.

Segundo Morris, 75 anos, a bandeira "vai voltar para onde deve estar".

Uma fonte do Departamento de Estado disse que a bandeira a hastear não será a mesma que foi arriada há 54 anos.

Na sexta-feira, John Kerry tornar-se-á o primeiro chefe da diplomacia norte-americana a deslocar-se a Havana desde 1945.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório