Meteorologia

  • 27 JULHO 2017
Tempo
21º
MIN 20º MÁX 22º

Edição

Açores: Governo anuncia incentivos para investimento na frota de pesca

O secretário do Mar dos Açores anunciou hoje um conjunto de novos incentivos para investimento na frota de pesca, numa visita à lota do porto da Horta, no mesmo dia da publicação da respetiva portaria em Jornal Oficial.

Açores: Governo anuncia incentivos para investimento na frota de pesca
Notícias ao Minuto

10:37 - 19/05/17 por Lusa

Economia Ministério do Mar

"Esta portaria pretende incentivar os investimentos a bordo, com várias tipologias, que incidem, sobretudo, em questões de segurança, de condições de trabalho a bordo e de saúde, mas também de eficiência energética, nomeadamente a possibilidade de substituição de motores por motores mais eficientes e menos poluidores", explicou Gui Menezes aos jornalistas na ilha do Faial.

Estes incentivos comunitários têm uma componente de comparticipação regional de 25%.

A classe piscatória tem vindo a queixar-se da quebra no rendimento da pesca e, recentemente, o presidente da Federação de Pescas dos Açores, Gualberto Rita, transmitiu as preocupações do setor ao governante.

O secretário regional do Mar, Ciência e Tecnologia referiu que este não é um apoio direto, mas, ainda assim, é importante na medida em que o cofinanciamento deste novo sistema de incentivos "contribui para o rendimento" dos profissionais da pesca, porque "têm de fazer menos investimento próprio".

Para o presidente da Associação de Produtores de Espécies Demersais dos Açores, Jorge Gonçalves, os novos apoios são bem-vindos, ressalvando não ter ainda oportunidade de analisar profundamente o novo quadro de incentivos.

"Agora vamos analisar a portaria, vamos verificar o que ela contém, mas pensamos que tendo por princípio questões de higiene e segurança a bordo, é algo que é importante para todo o setor", sublinhou o armador.

Os pescadores do arquipélago continuam a aguardar pela reforma no setor, anunciada pelo atual executivo regional no início desta legislatura, processo que está ainda em fase de análise.

"Estamos a fazer um diagnóstico de algumas pescarias, para ver se existe ou não necessidade de reduzir a frota, mas esse processo ainda não está concluído", declarou Gui Menezes, adiantando que se trata de um trabalho complexo que deverá, no entanto, estar "concluído em breve".

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório