Meteorologia

  • 24 SETEMBRO 2017
Tempo
12º
MIN 11º MÁX 14º

Edição

Lucro da Sonae atinge os oito milhões de euros no 1.º trimestre

O lucro da Sonae atingiu os oito milhões de euros no primeiro trimestre deste ano, montante que não é comparável com o resultado líquido de igual período do ano passado, divulgou hoje o grupo.

Lucro da Sonae atinge os oito milhões de euros no 1.º trimestre
Notícias ao Minuto

19:47 - 18/05/17 por Lusa

Economia Empresas

No primeiro trimestre do ano passado, o lucro ascendeu a 30 milhões de euros e incluía itens não recorrentes de 62 milhões de euros.

Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), a Sonae adianta que "o resultado líquido atribuível aos acionistas ascendeu a oito milhões de euros, beneficiando do crescimento das vendas de todos os negócios e da melhoria da rentabilidade operacional, bem como dos menores custos financeiros decorrentes do reconhecimento da forte estrutura de capital" do grupo.

"Excluindo os ganhos de capital não recorrentes registados no primeiro trimestre de 2016, fruto essencialmente das operações de 'sale and lease back', a evolução do resultado líquido da Sonae teria sido positiva", acrescenta.

Até final de março, o volume de negócios aumentou 6% para 1.278 milhões de euros, "com todos os negócios a contribuírem positivamente para esta evolução".

O 'underlying' EBITDA (resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações), que corresponde à rentabilidade dos negócios totalmente controlados pela Sonae, subiu 12,7% para 49 milhões de euros, "impulsionado pelo retalho e pela Sonae FS".

A Sonae acrescenta que "a boa performance operacional dos negócios no primeiro trimestre de 2017 contribuiu positivamente para os indicadores de rentabilidade" do grupo.

No entanto, "durante o primeiro trimestre do ano passado tinha sido registado um impacto positivo de 62 milhões de euros na rubrica de itens não recorrentes, beneficiando, sobretudo, dos ganhos de capital obtidos com as operações de 'sale and lease back' concluídas pela Sonae RP no primeiro trimestre de 2016, o que prejudica a comparabilidade entre períodos", explica.

Assim, o EBITDA registou uma quebra de 47,7% nos primeiros três meses do ano, face a igual período de 2016, para 62 milhões de euros, "correspondendo a uma margem EBITDA de 4,9%, e o resultado direto da Sonae atingiu nove milhões de euros".

No retalho, o volume de negócios da Sonae MC aumentou 4,7% no primeiro trimestre, atingindo 1.527 milhões de euros.

No que respeita ao retalho alimentar, o volume de negócios da Sonae MC aumentou 3% para 855 milhões de euros.

O investimento realizado pelos negócios ascendeu a 54 milhões de euros no trimestre, o que corresponde a cerca de 4,2% do volume de negócios.

"O investimento foi canalizado para a abertura de novas unidades, lançamento de novos negócios e reforço da internacionalização e do serviço ao cliente, tendo atingido 28 milhões de euros na Sonae MV, seis milhões de euros na Worten e oito milhões de euros tanto na Sonae Sports & Fashion como na Sonae RP.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório