Meteorologia

  • 24 MARçO 2019
Tempo
22º
MIN 21º MÁX 23º

Edição

Sócrates vai sair mais caro ao próximo governo do que troika

O próximo governo terá de assegurar o pagamento de dívidas do tempo de Sócrates.

Sócrates vai sair mais caro ao próximo governo do que troika
Notícias ao Minuto

09:37 - 29/08/15 por Notícias Ao Minuto 

Economia Pagamentos

A herança de uma dívida pública pesada vai obrigar a cobrir elevados pagamentos já após as eleições. Contas feitas, o Dinheiro Vivo avança que o governo que sair vitorioso das próximas eleições legislativas, no dia 4 de outubro, terá de liquidar qualquer coisa como 54 mil milhões de euros aos credores, sem contar com os juros.

Deste valor, quase 41 mil milhões de euros pertencem a obrigações do Tesouro adquiridas para satisfazerem necessidades de financiamento no tempo do primeiro-ministro José Sócrates. O primeiro pagamento cairá logo 11 dias após as legislativas, um valor de 5,4 mil milhões de euros que o executivo socialista emitiu em julho de 2005.

Para além das dívidas dos mercados, Portugal irá começar a reembolsar os credores oficiais, a União Europeia e o FMI. Trata-se de um pagamento de 14 mil milhões de euros, do qual até agora apenas se pagaram juros.

Nas propostas para a redução da dívida, o Governo acredita que é “decisivo o contributo do saldo primário, que deverá ser positivo e crescente durante todo o período”, por outro lado o diferencial de juros face ao crescimento do PIB nominal “terá um impacto negativo apenas até 2016”.

Já Mário Centeno, economista responsável pelo estudo do Partido Socialista, não acredita nos números da coligação. “A nossa proposta assume uma mudança nas políticas seguidas até aqui. Assumimos que são precisas mais políticas. Mais investimento mas sem agravamento da dívida”, explica.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório