Meteorologia

  • 15 DEZEMBRO 2018
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Existem licenciados a ganhar 505 euros com apoio estatal

Algumas empresas, ao abrigo do programa Estímulo Emprego, pagam o salário mínimo a engenheiros e professores, indica o Diário de Notícias.

Existem licenciados a ganhar 505 euros com apoio estatal
Notícias ao Minuto

10:21 - 16/04/15 por Notícias ao Minuto 

Economia Emprego

O site do Instituto do Emprego e Formação Profissional (IEFP) tem ofertas de emprego para licenciados, inseridas no programa Estímulo Emprego, com valores de 505 euros mensais (engenheiro mecânico) e 515 euros mensais (professor), de acordo com o levantamento feito pelo Diário de Notícias.

O Estímulo Emprego é um programa que financia empresas para contratar desempregados, ou seja, têm que estar inscritos no centro de emprego como desempregados.

Economistas e sindicatos descrevem a existência destas ofertas para engenheiros, farmacêuticos e professores abaixo dos 550 euros como “vergonhosas”.

“Como empregador teria vergonha de contratar um engenheiro por 500 euros”, adiantou António Nogueira Leite, economista e professor universitário, à mesma publicação, acrescentando que estas ofertas traduzem o “tecido empresarial português, que ainda é muito débil”.

João Duque, presidente do Instituto Superior de Economia e de Gestão (ISEG), defende que “devia haver a obrigação de o Estado não apoiar este tipo de ofertas”.

“É uma falta de vergonha”, diz o mesmo responsável, indicando que estas ofertam existem porque o trabalho “é indiferenciado e ao fim de dois dias qualquer um consegue fazê-lo”, mas quando é preciso especificação técnica, “não se aprende de ver os outros fazer”.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Receba as melhoras dicas de gestão de dinheiro, poupança e investimentos!

Tudo sobre os grandes negócios, finanças e economia.

Obrigado por ter ativado as notificações de Economia ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório