Meteorologia

  • 27 JUNHO 2017
Tempo
24º
MIN 22º MÁX 26º

Edição

Atlético Mineiro recusa jogar com Chapecoense na última jornada

O Atlético Mineiro recusou-se hoje a enfrentar a Chapecoense na última jornada do campeonato brasileiro de futebol, depois de 19 jogadores desta equipa terem morrido num acidente de avião.

Atlético Mineiro recusa jogar com Chapecoense na última jornada
Notícias ao Minuto

18:22 - 01/12/16 por Lusa

Desporto Polémica

"Não disputaremos essa partida. Não iremos a Chapecó disputar o último jogo. Respeitamos o desporto, mas respeitamos o luto. Não podemos exigir isso a nenhum jogador", afirmou o presidente do Atlético, Daniel Nepomuceno.

A posição do clube mineiro surge depois de a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) ter feito uma petição à Chapoecoense no sentido de apresentar uma equipa constituída por jogadores das camadas jovens na última ronda, que foi adiada de 04 para 11 de dezembro, devido à queda do avião na Colômbia.

Nepomuceno anunciou que comunicou a decisão do Atlético à CBF e que o clube está disposto a assumir eventuais penalizações. "Provavelmente a maior sanção será a perda de três pontos. Isso não muda nada, mas é o mínimo que podemos fazer pelas famílias das vítimas, pela cidade e pelo país, que está a sofrer com isto", acrescentou.

O desastre provocou a morte a 71 das 77 pessoas que seguiam a bordo, incluindo a maioria dos elementos da Chapecoense e acompanhantes, que se deslocavam para Medellín para defrontar a equipa colombiana do Atlético Nacional, na primeira mão da final da Taça Sul-americana.

Dos seis sobreviventes, três são jogadores da equipa de Chapecó, que continuam hospitalizados na Colômbia.

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório